Restrição de caminhões na Alberto Diniz é tema de reunião no dia 30

Pouco mais de três meses depois da implantação  da restrição de circulação de caminhões em três vias da cidade, a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, realizará uma reunião sobre o tema,  na segunda-feira,  dia 30, a partir das 19h.

Na oportunidade, será tratado especificamente, sobre a circulação de caminhões, na Avenida Alberto Diniz, que conta com diversos comércios de materiais de construção, por exemplo.

O evento é aberto e a Secretaria Municipal de Mobilidade, está convidando comerciantes, prestadores de serviço e a população interessada em tratar desta questão que compareça na Escola Municipal Coronel Ladislau Leme,  naRua Antônio Giacomo José Zordo,  no Bairro Santa Luzia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Segundo a Divisão de Imprensa, na oportunidade,  a administração pretender ouvir a demanda dos comerciantes e prestadores de serviços desta região, assim como a opinião da população do entorno sobre a mudança, que já vigora desde o dia 17 de julho, ou seja, pouco mais de três meses.

Além da Avenida Alberto Diniz a restrição de caminhões foi implantada na mesma época na Avenida Dom Pedro I e trecho da Avenida dos Imigrantes, entre a Praça Nove de Julho e a rotatória de acesso à Rodovia Capitão Barduíno.

A mudança gerou polêmica, porque o equipamento eletrônico instalado que fiscalizaria a restrição na Avenida Dom Pedro I, está instalado na Variante do Taboão, ou seja, via cuja responsabilidade é do Departamento de Estradas de Rodagem e não do município.

A restrição de caminhões nas vias citadas é válida das 7h às 22, para caminhões que não tem placas de Bragança Paulista. Os caminhões com placas de Bragança Paulista, não podem circular das 7h às 9h e das 17h às 19h.

Exceções foram e são avaliadas pela Secretaria de Mobilidade Urbana.

 

 

Facebook Comments