Guardas Civis prenderam na manhã de sexta-feira, dia 13,Rômulo Pereira da Silva Ribeiro, de 36 anos, acusado de furtar uma idosa de 75 anos, na agência do Banco do Brasil, no centro.

Segundo o registrado,  uma  senhora de 75 anos, estava no local quando um indivíduo de traços orientais a abordou.  Ele pegou o cartão da idosa, e disse que ela estava fazendo a operação de forma errada.

O ladrão sacou então R$ 1.380,00, se juntou com mais dois outros indivíduos e fugiu correndo, com mais um rapaz.

Nesse momento a vítima começou a gritar por ajuda.

Rômulo alegou que também era vítima de furto, mas depois exibiu em seu celular a foto do indivíduo japonês, que foi reconhecido pela vítima como sendo o que realizara a transação bancária.

Na carteira de Rômulo os guardas encontraram a quantia de R$ 450,00, ficando claro que o dinheiro subtraído da vítima fora dividido entre ele e os outros dois acusados do roubo.

Rômulo foi conduzido ao Plantão Central da Polícia Civil, foi autuado em flagrante por furto qualificado e recolhido à cadeia. As investigações terão prosseguimento pela DIG para identificação dos outros dois envolvidos.