Atibaia promove Jornada Literária de forma virtual

A 8ª edição da Jornada Literária de Atibaia, este ano acontecerá de forma virtual. O evento promovido anualmente pela Secretaria Municipal de Educação, tem como objetivo incentivar o hábito da leitura e acontecerá entre os dias 7 e 11 de dezembro.

Para a jornada deste ano, a equipe da Secretaria de Educação produziu uma série de vídeos com mensagens dos autores dos livros selecionados que serão encaminhados aos alunos, de acordo com o ano/série.

Participam da jornada literária 2020 os seguintes escritores: Alessandra Roscoe (1º ano), Tino Freitas (2º ano), Jonas Ribeiro (3º ano), Leo Cunha (4º ano), Tânia Alexandre Martinelli (5º ano), James Misse (pré-escola) e Alexandre Rampazzo (EJAI).

Os vídeos com as mensagens dos escritores serão compartilhados pela plataforma educacional IPADS e redes sociais durante a semana da Jornada. Em nota, a Prefeitura de Atibaia ressalta que uma boa companhia para este período de pandemia e isolamento social, um livro nos permite viajar e conhecer outros mundos sem sair de casa.

De acordo com a Prefeitura de Atibaia, estes escritores foram selecionados pela equipe técnico-pedagógica e educadores para serem trabalhados com os alunos ao longo do ano letivo e a jornada é o ponto alto desse processo.

Durante a jornada os estudantes têm a possibilidade de ampliar o seu acervo pessoal escolhendo um livro dentre os 4 a 10 títulos, dependendo do autor, disponibilizados para o seu ano/série.

Mesmo com a pandemia, a escolha do livro será feita nas escolas, que estão se organizando para garantir que todos os protocolos sanitários necessários para prevenção contra o Coronavírus sejam seguidos.

A data e horário ainda serão divulgados previamente para os responsáveis pelos alunos.

Ler e escrever: fonte do saber

Para comemorar a conclusão da primeira etapa de ensino da educação básica, os alunos da Educação Infantil V ganharão um exemplar do livro “Brincar é bom e faz bem”, além do livro que poderão escolher.

Apesar de não haver um autor específico para a Educação Infantil como há para os outros anos/séries, os pequenos também poderão escolher um livro dentre as opções selecionadas para sua faixa etária e etapa de desenvolvimento, estimulando o comportamento leitor desde a mais tenra idade.

Além disso, como os alunos da 5ª série não puderam neste ano produzir coletivamente o livro que tradicionalmente era escrito a muitas mãos, além do específico para a sua série, eles também levarão para casa um kit com a coleção “Aventuras do Zezé Nos Quatro Elementos da Natureza”.

E dentro do projeto “Maluquinhos por leitura”, os alunos da 1ª série também ganharão um exemplar do livro “O Menino Maluquinho”, do cartunista e escritor Ziraldo. Todas essas iniciativas fazem parte do projeto “Ler e Escrever: Fonte do Saber”.

Para ficar sempre por dentro dos últimos e principais eventos que acontecem em Bragança Paulista e região aliás é muito fácil. Acesse:

Quer receber notícias de Bragança Paulista, bem como da região no celular?  É só clicar aqui:
WhatsApp do Bragança Em Pauta

Deixe uma resposta