As aulas na rede municipal de ensino serão retomadas em Bragança Paulista, no próximo dia 8, assim como na rede estadual. Algumas escolas particulares, no entanto, já retomaram as atividades.  Em outras o calendário letivo tem início na segunda-feira, 1º de fevereiro.

Independente do dia da retomada uma coisa é certa: enquanto Bragança Paulista estiver na Fase Laranja, as escolas podem funcionar com apenas 35% da capacidade, com distanciamento social e uso de máscara.

Equipamentos

Em nota, a Secretaria de Educação de Bragança Paulista informou que  adquiriu tapetes sanitizantes, material de limpeza, termômetros, totens com álcool em gel, máscaras face shield para funcionários, além de máscaras para alunos.

De acordo com o Secretário Municipal de Educação Adílson Condesso, nesta semana os pais e responsáveis foram chamados para assinar um termo de responsabilidade em relação ao retorno das aulas presenciais. A frequência presencial dos alunos será facultativa, mas para isso, o responsável deverá optar, por escrito, pela realização das atividades remotas.

Estas atividades deverão ser devolvidas nas escolas para correção, análise e orientação. Enquanto Bragança Paulista estiver nas fases vermelha e laranja, o número de alunos por sala de aula será entre 6 e 10 crianças na rede municipal.

Autorização dos pais

Segundo o Secretário Adílson Condesso, em consulta realizada junto aos pais e responsáveis, cerca de 1/3 deles manifestaram interesse do retorno das aulas presenciais. Dessa forma, a Prefeitura contemplará todos pais e responsáveis, tanto aqueles que desejam o retorno das aulas presenciais, quanto os pretendem manter os filhos remotamente.

O termo de responsabilidade sinalizando se o aluno retornará as aulas presenciais na rede municipal ou se permanecerá no ensino remoto, com atividades online e impressas deve ser assinado até amanhã, 28.

Para isto, os responsáveis devem comparecer até a secretaria da unidade de ensino onde o estudante está matriculado, das 07h30 às 11h30 ou das 13h00 às 16h30.

Bate papo com vereadores

O secretário se reuniu com vereadores na Câmara Municipal na última terça-feira, 26. Na oportunidade ele ressaltou que “se antes 82% eram contrários, hoje tenho 64,2% contrários e 35,8% a favor. É claro, a pesquisa não é decisiva, quem define isso é a questão da saúde, mas sabemos a importância de ouvir os pais”, informou.

“Hoje tenho um terço da população que clama pelo retorno presencial. A forma que encontramos, em consenso com o Conselho Municipal de Educação, é o ensino híbrido, dando possibilidade daqueles que querem retornar às aulas presenciais e a opção para os que  preferem permanecer em casa. Tomaremos todas as medidas sanitárias do Plano e também daremos o direito de que o responsável, se ainda não se sentir seguro, siga com as atividades remotas, nos moldes do que tivemos no ano passado”, completou Condesso.

E se tiver casos suspeitos de COVID?

Durante o bate papo com os vereadores, o secretário informou que vai seguir rigorosamente os protocolos sanitários médicos.

“Se alguém estiver com temperatura acima de 37,5℃, imediatamente será encaminhado pro posto de saúde mais próximo. Constatou a Covid-19, a secretaria de Saúde vai passar todos os protocolos sanitários, podendo sim chegar ao ponto de suspensão das aulas para quarentena. Essas questões tenho que estar respaldado pela secretaria de Saúde”, disse.

INFORME-SE

A melhor arma contra a desinformação  é o jornalismo sério e profissional. Informe-se diariamente, pelo Jornal Em Pauta.

As últimas e principais informações sobre o coronavírus em Bragança Paulista e região você encontra neste link: : https://bragancaempauta.com.br/tag/coronavirus/

Quer receber nossas notícias no celular?
É só clicar aqui: WhatsApp do Jornal Em Pauta

Deixe uma resposta