Bastidores Em Pauta Coluna 01

Se no âmbito federal, os membros do PSL resolveram jogar o nível da discussão política para níveis deploráveis, com argumentos baseados em indiretas de gordofobia e homofobia por deputados do próprio partido, em Bragança resolveram copiar exatamente as coisas ruins dos outros.

 NOTA DE 3 REAIS

Circulou esta semana pelas redes sociais a publicação do vereador e radialista Cláudio Moreno, do Democratas, com uma montagem de uma foto do vereador Basílio Zecchini em uma nota de 3 reais. O motivo: Cláudio Moreno está insatisfeito com as declarações de Basílio sobre o decreto que regulamenta o Uber na cidade.

Ele pode não concordar com o Basílio, mas precisa mesmo baixar o nível do debate e taxar o colega de nota falsa? Está parecendo a lavanderia de roupa suja do PSL…

A população espera mais de um vereador do que um criador de memes na internet!

VAMOS MANTER O NÍVEL?

Aliás, pela publicação já dá para perceber como vai ser o nível da campanha em 2020. Provavelmente, vai acontecer o mesmo que nas eleições presidenciais ano passado: uma enxurrada de memes, sem debate de ideias e projetos.

Só você, eleitor, pode dar um basta nisto: exigindo dos candidatos propostas e não concordando com picuinhas, independente do partido.

Vale lembrar que os ataques ao Basílio nas redes sociais têm sido constantes desde que ele anunciou sua candidatura à prefeito, inclusive algumas delas levam para o lado pessoal.

Se continuar assim, vai ser difícil!

O SUMIÇO DAS PLACAS

Durante inaugurações de obras é comum a implantação de placas com nome do prefeito, vice, secretários da gestão que efetuou a obra.

Em Bragança Paulista, placas como estas, no entanto, costumam sumir. Seria cômico, se não estivéssemos falando de dinheiro público e da memória histórica da cidade.

No governo Jango uma placa que sumiu do monumento “Cruz de Pedra” na Praça Raul Leme rendeu vários programas de rádio de uma conhecida emissora.  Agora, várias placas foram retiradas pela atual administração de prédios públicos e já que a mesma emissora finge demência, o Em Pauta quer saber: cadê?

  1. Cadê a placa de inauguração do Complexo Integrado de Segurança, Emergência e Mobilidade (CISEM)?
  2. Cadê a placa do Canil da Guarda Municipal?
  3. Cadê a placa da Associação dos Criadores de Caprinos e Ovinos da Região Bragantina?

Mais que dinheiro público e história jogados no lixo, é uma atitude mesquinha. Lamentável.

DE MALAS PRONTAS PARA ATIBAIA

Aliás, falando em Associação dos Criadores de Caprinos e Ovinos da Região Bragantina, que atende cerca de 200 criadores de toda a região, eles praticamente foram expulsos da sede que construíram nas administrações passadas no Posto de Monta. Com isto, estão de malas prontas provavelmente para Atibaia.  Bragança perdendo mais uma vez….

TÁ TUDO DOMINADO!

Antes havia duas organizações sociais gerindo em Bragança Paulista os atendimentos de saúde. Agora está tudo dominado pela Med Life. A entidade já gerenciava a UPA Vila Davi, o SAMU e o Bom Jesus. Agora, vai gerenciar também as unidades básicas de saúde.

Com isto dá adeus à Bragança a Reviva Saúde que segundo investigações do Ministério Público de Campinas seria braço direito da Vitale, acusada de causar prejuízo de milhões aos cofres públicos no Hospital Ouro Verde.

BRIGA DE GENTE GRANDE

É assim que pode ser definida a briga entre as empresas de ônibus Sancetur (família Chedid), Carreteiro (Nossa Senhora de Fátima) e JTP Transportes para saber que vai vencer a licitação e ter direito de explorar o serviço de transporte na cidade por 20 anos.

A licitação está em andamento e todas as empresas entraram com recursos uma contra as outras. A briga pelo visto, vai longe….

E POR FALAR EM GENTE GRANDE …

Está na hora do motorista entender que o trânsito de uma cidade deve ser planejado para o coletivo e não pensando nos interesses individuais.

A cidade cresceu e não é possível mais querer estacionar na porta ou então não andar um pouco mais para fazer um retorno.

Você que está aí xingando o fechamento do Lago do Taboão para quem vem do Santa Helena e segue para a Nove de Julho porque congestionou a Rua Teixeira: haja como adulto e com razão e não emoção.

Porque você tem que pegar a Rua Teixeira e ficar no congestionamento, se lá na frente só tem uma saída: seguir pela Praça Jan Tomas Bata em direção à Rotatória São Francisco para aí sim fazer o retorno para a Nove de Julho. Não é mais fácil já seguir pela Rua Dom Pedro I na outra margem do Lago?

VOA GAROTO….

Lembram do Alessandro, que foi no Em Pauta Entrevista especial do Dia das Crianças? Ele estava só esperando o resultado de um teste para treinar em Cotia, no São Paulo Futebol Clube e adivinham?

Talentoso e habilidoso que é, claro que ele passou. Voa garoto….

Estamos torcendo por você!

ESTAMOS QUASE LÁ…

Falando em futebol, o Bragantino ainda não está classificado matematicamente, mas é quase impossível perder a vaga no acesso para a série A do Brasileirão.

O torcedor, empolgado, após a parceria com o Red Bull, quer mais do que o acesso. Sonha com o título. Será que virá?

Nós, assim como você, acreditamos e entramos no clima da luta pelo acesso e título e por isto que na sexta-feira, 25, o programa Em Pauta Entrevista ocorreu da porta do estádio. Se você não viu, vale a pena conferir, clicando no link: https://www.facebook.com/bragancaempauta/videos/547955852436647/

 

Até semana que vem!

Deixe uma resposta