Bastidores Em Pauta implora: salvem nossos idosos!

Faltando uma semana para as Eleições 2020, podemos dizer que o clima político não está mais morno, mas também longe da polarização já vista em eleições anteriores.

NAS RUAS

Nas ruas, os maus exemplos continuam e já desistimos de achar que políticos poderiam fazer algo diferente. Aglomerações, confraternizações com dezenas de pessoas sem máscaras, abraços e tudo isso que infelizmente, a população tem visto diariamente. Esperamos que não haja um aumento de casos de COVID-19 nos próximos 15 dias, por irresponsabilidades praticadas nas campanhas eleitorais.

NAS REDES

Nas redes sociais, os impulsionamentos no Facebook e Instagram crescem a cada dia. Tem candidato a vereador que já gastou mais de 10 mil reais e candidato a prefeito que começou a impulsionar (e de forma errada), somente na quinta-feira. Nesta semana, quem entrar em suas redes sociais receberá certamente uma enxurrada de bons e péssimos materiais.

BUSÃO TRAVOU A CARRETA

Falando em campanha política, na última sexta-feira uma cena inusitada ocorreu na região central de Bragança. Um ônibus coletivo da JTP quebrou nas imediações da Praça Jacinto Domingues e acabou travando uma carreata política. Quem ficou preso no trânsito não sabe se ficava mais irritado com o caos no trânsito ou o jingle político sendo repetido exaustivamente.

CADÊ?

Nos bastidores da política bragantina, tem causado estranheza a ausência do ex-prefeito José de Lima no processo eleitoral.

Ele, que em 2016 era figura presente na campanha da Sartori e chegou a gravar vídeo pro horário eleitoral, desta vez articulou a candidatura do Jango e Sartori, pelo seu próprio partido, o PTB e depois da convenção sumiu.

Não apareceu no programa eleitoral, não foi visto em reuniões públicas e caso esteja em isolamento social, por ser do grupo de risco da COVID-19, não gravou nem um pedido de voto por celular. Cadê o Zé?

ESTRESSE ELEITORAL

Enquanto José de Lima parece não estar nem azul pra eleição, tem vereador que está com os nervos a flor da pele.

Nesta semana, quem estava nos corredores da Câmara Municipal pode ouvir os gritos de um edil com os servidores concursados da Casa, que desempenham um reconhecido trabalho.

É preciso respeito ao próximo e compostura no cargo que ocupa. Ninguém é melhor do que ninguém e daqui cerca de 50 dias, ele pode estar fora de lá inclusive.

FINALMENTE PREFEITURA! FINALMENTE VEREADORES!

Depois de nomearem o Centro de Referência da Saúde da Mulher, com o nome de um homem, finalmente nossas autoridades deram uma bola dentro.

A Praça da Poesia, que está em construção, receberá o nome do poeta Oswaldo de Camargo. Viram como não é difícil? Basta ter boa vontade!

Semana que vem, tem mais Bastidores Em Pauta

Quer receber notícias de Bragança Paulista e região no celular?  É só clicar aqui:
WhatsApp do Bragança Em Pauta

 

Deixe uma resposta