Bastidores Em Pauta implora: salvem nossos idosos!

Ao menos cinco estados, já se manifestaram oficialmente sobre a relação do aumento de casos de COVID-19 e as campanhas políticas.

Segundo reportagem da Folha de São Paulo, no Amapá houve quadriplicação do número de internados na rede privada e o secretário de saúde determinou a proibição de eventos políticos com aglomeração.

No Espírito Santo, hospitais de planos de saúde também estão lotados e o secretário de saúde enviou ofício ao Tribunal Regional Eleitoral solicitando suspensão de atividades de campanha política.

Na Bahia, também houve aumento considerável de casos e discute-se a proibição de eventos partidários presenciais, exceto carreatas.

Já em Pernambuco, o TRE proibiu atos com aglomerações, devido ao aumento de casos de coronavírus.

E na Paraíba, o secretário estadual credita o aumento de casos às convenções partidárias e volta as aulas presenciais.

EM BRAGANÇA, NÃO É DIFERENTE

Infelizmente, em Bragança Paulista o futuro pode ser o mesmo. Já publicamos aqui maus exemplos dos mais variados partidos e candidaturas.

Nesta semana, recebemos fotos de aglomerações de variados tamanhos praticadas pelas campanhas dos quatro prefeituráveis. E mais do que cobrar, queremos fazer um apelo. Entendemos que estão em busca do voto, estão no clima contagiante de uma eleição, mas ainda há tempo de inovações.

As aulas online se modernizaram. As consultas médicas se ajustaram. As reuniões, os trabalhos home-office…

Porque somente os políticos não podem se adaptar? Há necessidade mesmo de ir na feira pedir voto?

Enfim, talvez sejamos uma voz na contramão, mas continuaremos defendendo que a pandemia não acabou por causa de uma eleição!

HORÁRIO ELEITORAL

Em meio a tantos repetecos de programas eleitorais, o único destaque da semana na nossa análise semanal foi a saída do candidato Jesus Chedid de seu gabinete político e sua primeira aparição externa na Campanha 2020.

Ao lado do seu filho, deputado Edmir Chedid, Jesus fez gravações na obra do Mercado Municipal da Zona Norte.

JESUS MÓVEL VEM AÍ?

Em São Paulo, o PSOL inovou e providenciou uma espécie de “papamóvel” – estrutura de acrílico, montada em cima de uma camionete, para proteger a candidata a vice-prefeita, Luiza Erundina, de 85 anos, que obviamente é do grupo de risco da COVID-19.

Será que a campanha de Jesus está pensando em algo semelhante, para colocar de vez o candidato nas ruas, nos 15 dias finais de campanha?

OLHA O FRANGOOOOO!

Não estamos falando de futebol não. Estamos falando de frango mesmo. Há alguns anos em Bragança Paulista, no Dia do Servidor Municipal os funcionários da Prefeitura ficavam nas filas para receber um frangão congelado. Pois bem, já faz alguns anos que isto não é acontece mais por aqui, mas em Serra Negra, desde 1997 é tradição. Foram cerca de mil frangos distribuídos!

ELEIÇÕES NA JUSTIÇA

Além da campanha que o eleitor vê nas ruas e nas redes sociais os bastidores estão quentes. Não é a primeira vez que a eleição é judicializada. Tem processo para todo lado. Direitos de resposta concedido, direito de resposta negado, denúncias de publicidade irregular e por aí vai… Os advogados das coligações estão trabalhando mais do que os advogados do Fluminense em tempos de rebaixamento.

Quem não seguir direitinho as regras do jogo que são claras, pode ser penalizado.

PARA REFLETIR

“Todo ser humano tem direito à liberdade de opinião e expressão; este direito inclui a liberdade de, sem interferência, ter opiniões e de procurar, receber e transmitir informações e ideias por quaisquer meios e independentemente de fronteiras.”

A frase está na Declaração Universal de Direitos Humanos, no artigo 19. Vale a reflexão!

Boa semana!

Semana que vem, tem mais Bastidores Em Pauta

Quer receber notícias de Bragança Paulista e região no celular?  É só clicar aqui:
WhatsApp do Bragança Em Pauta

Deixe uma resposta