Bragança confirma mais 21 casos e secretária pede que população denuncie aglomerações

Bragança Paulista confirmou nesta quarta-feira, mais 21 casos positivos de COVID-19, nas últimas 24 horas. E durante o anúncio do boletim, feito pela secretária de Saúde Marina de Fátima Oliveira, ela pediu que a população denuncie aglomerações.

Marina que no início da pandemia falava todos os dias com a imprensa e população, agora só se manifesta uma vez por mês e não são mais abertos questionamentos para a imprensa.

Durante o pronunciamento, além de apresentar os números, ela falou, entre outros assuntos, sobre a retomada das cirurgias eletivas no município. Disse que é necessário que os níveis de ocupação de UTI e leitos clínicos se mantenham baixos para que as mesmas possam acontecer.

VEJA TAMBÉM

Mega Outlet em prol do SAMA acontece em dezembro
SENAI de Bragança abre inscrições para cursos técnicos
Rotary e ECOA realizam almoço drive-thru neste domingo

A secretária também pediu colaboração da população, não só no uso de máscaras e distanciamento social, mas também efetuando denúncias.

“Hoje nós temos os estabelecimentos em funcionamento (…). Queremos continuar desta forma. Por isto, a gente reforça o pedido a todos vocês. Vamos continuar nos cuidando e não vamos participar, permitir aglomerações. É neste momento que acontece a contaminação. E não acontece em uma pessoa, acontece em várias”, disse a secretária.

“Denuncie locais que estejam promovendo festas, promovendo aglomerações. O local está infringindo não só a lei, não só o que está aplicado a eles, mas a saúde pública, ressaltou.

Os contatos são: 153, (11) 4603-1880 e (11) 4035-7474 da Guarda Municipal; 0800 580 0678 da Central de Atendimento ao Público, que funciona apenas em horário comercial, assim como a Prefeitura, que atende no (11) 4034-7100.

 

Números de hoje

Além disso, o boletim indica a notificação ao Ministério da Saúde de mais 134 casos suspeitos de COVID-19 e com isto, já são 10.363 notificações desde o início da pandemia.

Da mesma forma, o boletim de hoje indica ainda que o município aguarda o resultado de 312 exames.  Ontem, no entanto, a Prefeitura aguardava 239 resultados.

De acordo com o balanço divulgado nesta quarta, 25,  dos 5446 casos confirmados desde o início da pandemia, 4272 pacientes estão recuperados e 1075 seguem em isolamento domiciliar.

O boletim de hoje mostra ainda 40 casos descartados para COVID-19, em 24 horas.

Balanço das mortes

Das 89 mortes de COVID-19, desde o início da pandemia, 45 pacientes eram homens, bem como 44 eram mulheres, sendo que 14 tinham menos de 60 anos. Já as outras 75 vítimas tinham 60 anos ou mais.

Dos 89 mortos, 21 eram moradores de asilo, sendo 11 do Jardim Público, 9 do asilo da Vila Bianchi, bem como 1 da Casa São Luiz, que abriga freiras idosas.

Agosto e setembro, são os meses com maior número de mortes até agora, sendo 21 óbitos confirmados para COVID-19 em cada um dos meses. Novembro, totaliza 3 mortes confirmadas de COVID-19 e tem uma ainda em investigação.

Internações

A taxa de ocupação de leitos SUS regionais de UTI se manteve em 33,3%. Já a taxa de ocupação de leitos clínicos SUS regionais caiu de 36,6% para 33,3%.

Quando o assunto são as internações só de pacientes de Bragança Paulista, temos 20 pessoas internadas. No dia anterior eram 19 internações.  As internações são em leitos SUS, bem como em leitos particulares, tanto em leitos clínicos como de UTI.

São 10 pacientes internados já com resultado de exames positivos. No dia anterior eram 8. Além disso há 10 internados com suspeita de coronavírus. No dia anterior também eram 11.

INFORME-SE

Para ficar sempre por dentro das últimas informações sobre o coronavírus em Bragança Paulista, Atibaia e região, aliás é fácil. Acesse o link: https://bragancaempauta.com.br/tag/coronavirus/

Quer receber notícias de Bragança Paulista, bem como região no celular? É só clicar aqui:
WhatsApp do Bragança Em Pauta

Deixe uma resposta