Bragança Paulista confirma mais 21 casos de COVID-19

Bragança Paulista registrou nesta quarta-feira mais 21 casos de COVID-19 nas últimas 24 horas.  Com as novas 21 confirmações, o município totaliza 4.864 casos desde o início da pandemia.

Destes, de acordo com balanço da Secretaria Municipal de Saúde, 3214 pacientes estão recuperados.

Além disso, o município aguarda o resultado de 82 exames. No dia anterior, a Prefeitura aguardava 102 resultados.  Nas últimas 24 horas, aliás, 28 casos foram descartados para o novo coronavírus.

Da mesma forma, o boletim de hoje indica que entre leitos de enfermaria, bem como de UTI, tanto SUS como particulares, estão internados com confirmação de COVID-19, um total de 9 pacientes de Bragança Paulista. No dia anterior eram 8.

Além disso, 2 pacientes continuam aguardando internados os resultados de seus exames. No dia anterior também eram 8.

O boletim de hoje mostra também, 29 notificações ao Ministério da Saúde de casos suspeitos nas últimas 24 horas.  A taxa de ocupação de leitos regionais de UTI que caiu dois dias seguidos voltou a subir. Domingo a taxa era de 43,3% caiu para 36,3% na segunda e para 30% nesta terça. Hoje é de 33,3%.

Já a taxa de ocupação de leitos clínicos subiu pelo segundo dia consecutivo. Foi de 10%  na segunda para 16% na terça e agora é de 23,3%.

VEJA TAMBÉM:

Bragança Paulista tem 4 candidatos a vereador indeferidos
Mulher é assassinada pelo marido com um tiro
Vídeo mostra momento que cão localiza drogas no Maranata

Amauri Sodré continua internado

O vice-prefeito de Bragança Paulista, Amauri Sodré da Silva continua internado em leito de enfermaria. Amauri está internado na Santa Casa desde o dia 5, ou seja,  há 16 dias.

Ele deixou o leito de UTI da Santa Casa de Bragança Paulista e foi para enfermaria na sexta-feira, 16.

De acordo com boletim médico desta quarta-feira, 21,  Amauri está com o quadro clínico estável. A previsão de alta continua para sexta-feira, 23.

Mortes de COVID-19

Das 82 mortes confirmadas para COVID-19 desde o início da pandemia, 44 pacientes eram homens, bem como 38 eram mulheres, sendo que 13 tinham menos de 60 anos. Já as outras 69 vítimas tinham 60 anos ou mais.

Dos 82 mortos, 21 eram moradores de asilo, sendo 11 do Jardim Público, 9 do asilo da Vila Bianchi, bem como 1 da Casa São Luiz, que abriga freiras idosas.

Agosto e setembro, são os meses com maior número de mortes até agora, sendo 21 óbitos confirmados para COVID-19 em cada um dos meses. Em julho foram 15 mortes. Do início da pandemia até o final de junho, aliás, foram 17 mortes no total.

Outubro contabiliza oito mortes confirmadas até aqui.

INFORME-SE

Para ficar sempre por dentro das últimas informações sobre o coronavírus em Bragança Paulista, Atibaia e região, aliás é fácil. Acesse o link: https://bragancaempauta.com.br/tag/coronavirus/

Quer receber notícias de Bragança Paulista, bem como região no celular? É só clicar aqui:
WhatsApp do Bragança Em Pauta

 

Deixe uma resposta