Bragança Paulista registrou nesta terça-feira, 19. 158 casos positivos de COVID-19. No dia anterior eram 150 casos. Os oito novo pacientes positivos divulgados hoje, aliás, são seis homens, de 13, 16,  24, 44, 47. 52 anos e duas mulheres sendo uma de 33 anos e outra de 37 anos.  Os leitos SUS de UTI continuam com 100% de ocupação e caso haja necessidade, pacientes podem ser transferidos para Campinas.

O número de notificações de casos suspeitos também não para de crescer. As notificações saltaram de 360 no dia anterior para 374.

Em seu pronunciamento, a secretária de Saúde Marina de Fátima Oliveira disse que parte destas notificações são de pacientes que fizeram testes rápidos e já não apresentam mais sintomas. No total, aliás, são 8 nesta situação.

Das 374 notificações,158 foram confirmados, 197 descartados. Além disso, 19 continuam em investigação.

Entre os casos investigados, há duas pessoas internadas na UTI da Santa Casa, sendo um homem de 47 e outro de 67 anos. Além disso há cinco pacientes com suspeita de COVID-19 em leitos clínicos da Santa Casa, sendo três homem de 29, 73 e 76 e duas mulheres 38 e 58 anos. Já na enfermaria do HUSF há uma mulher com suspeita de coronavírus de 26 anos.

Já entre os 158 casos confirmados, 98 pacientes são considerados recuperados. Há três pacientes na UTI da Santa Casa, sendo dois homens de 42 e 67 anos e uma mulher de 36 anos.

Além disso, há ainda uma mulher de 54 anos positiva para COVID-19 internada em leito clínico da Santa Casa. Ao todo 46 pessoas ainda estão em tratamento em suas casas.

Entre as pessoas que tiveram alta hospitalar nos últimos dias Marina de Fátima Oliveira destacou uma mulher de 66 anos, que ficou dois meses internada no Hospital Bragantino. A mulher chegou a ficar 49 dias internada em UTI e teve alta na segunda-feira, 18.

Leitos de UTI 100% ocupados

Os leitos de SUS em Bragança Paulista continuam ocupados. Ao todo o município e a região tem 15 leitos para o SUS no HUSF e 4 na Santa Casa e segundo Marina, todos estão ocupados, sendo que 21%  está ocupado com casos de COVID-19 e os outros são de outras patologias, entre elas traumas.

Marina ressaltou que ambos hospitais aguardam habilitação do Ministério da Saúde para mais leitos SUS. Enquanto isto não acontece caso algum paciente precise de UTI os mesmos podem ser transferidos para leitos de UTI, em Campinas.

Atendimento psicológico

Marina de Fátima Oliveira ressaltou também durante seu pronunciamento que a Prefeitura vem realizando atendimentos psicológicos para quem está passando por dificuldades durante a pandemia.

Disse que mais duas profissionais foram contratadas recentemente, sendo que uma ficará focada no atendimento ao adolescente e outra se juntará aos profissionais que já atuam na área.

Quem precisar de atendimento psicológico pode procurar, segundo a secretária a unidade de saúde mais próxima de sua casa ou então ligar para o 0800-580-0678, que é o telefone de atendimento da saúde também para dúvidas sobre a COVID-19, denúncias, entre outros.

INFORME-SE

Para ficar sempre por dentro das últimas informações sobre o coronavírus em Bragança Paulista, Atibaia e região acesse: https://bragancaempauta.com.br/tag/coronavirus/

Quer receber notícias pelo celular acesse: https://chat.whatsapp.com/EGKvaEp41fQ5OhAEyLUA2u

 

 

 

Deixe uma resposta