O Red Bull Bragantino é um dos três clubes da série A do Brasileirão 2020 que não se manifestou sobre o caso que ganhou repercussão nacional durante a semana. O desfecho do julgamento que inocentou André de Camargo Aranha, acusado de ter estuprado Mariana Ferrer.

As imagens que se tornaram públicas mostram o advogado do acusado mostrando imagens da vítima e acusando-a, na tentativa de torná-la responsável pelo que aconteceu no dia do crime.

Nas redes sociais, o fato ficou conhecido como “estupro culposo”. No linguajar jurídico a denominação “culposo” é usada quando não há intenção de cometer o crime, o que não tem cabimento no caso de estupro.

Casos de violência doméstica

Coincidentemente, além do Bragantino também não se manifestar nas redes sociais sobre o assunto, o Santos e o Atlético Goianiense permaneceram em silêncio. O Santos recentemente voltou atrás na contratação de Robinho, condenado em primeira instância por estupro na Itália, após pressão da torcida e dos patrocinadores.

O Atlético Goianiense tem em seu elenco o goleiro Jean, envolvido em um caso de violência doméstica e o Bragantino o jogador Wesley Pionteck, que já foi condenado em primeira e segunda instância também por violência contra mulher.

Na sexta-feira, 7, o Em Pauta, questionou durante coletiva de imprensa, para o presidente do clube, Thiago Scuro porque o time mantém o atleta no elenco e porque não se manifesta no caso de repercussão nacional. Ele desconversou, alegando que a entidade já tinha se manifestado.

Quando a condenação veio à tona, após publicação exclusiva do Em Pauta, o clube se manifestou informalmente dizendo que é favorável à ressocialização. Além de manter o atleta no plantel, no entanto, nunca foi divulgado nenhuma nota oficial ou ação contra a violência a mulher ou conscientização sobre o tema.

Confira o que Scuro disse:

Para saber tudo sobre o Red Bull Bragantino, aliás, é muito fácil. Acesse o link:  https://bragancaempauta.com.br/tag/red-bull-bragantino/

Quer receber notícias de Bragança Paulista, bem como da região, no celular?  É só clicar aqui:
WhatsApp do Bragança Em Pauta

 

Deixe uma resposta