sem energia

Acontece nesta quarta-feira, 7, em Bragança Paulista, o lançamento da Semana Nacional da Segurança da População com Energia Elétrica da Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (ABRADEE) que vai até o dia 11 de novembro.

A campanha tem como tema É aí que mora o perigo” e faz  parte de uma campanha nacional de conscientização, que a empresa Energisa desenvolverá durante dois meses em toda a sua área de concessão.

A ideia é reduzir os números de acidentes da população com energia elétrica e reforçar ações contra as principais causas de mortes por contato com a eletricidade, na construção civil, manutenção predial e ligação elétrica clandestina.

O evento acontece das 9h às 15h na Praça Raul Leme, em frente à igreja Catedral.

Haverá estande, distribuição de cartilhas e folhetos informativos.

Segundo dados da Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee) revelam que desde que começou a fazer a campanha, em 2006, houve uma queda anual de 16% nos acidentes, totalizando uma média de 838 acidentes por ano. Neste mesmo período, a média anual de mortes totais também caiu 14%, totalizando 293 mortes/ano, isto representa que foram evitadas 47 mortes/ano.

Para o presidente da Abradee, Nelson Fonseca Leite, a queda contínua nos números de acidentes com a rede elétrica ao longo dos anos demonstra a importância de ações de conscientização e prevenção. “A cada ano reforçamos a campanha entre as distribuidoras de energia de todo o país. Vemos os resultados deste trabalho ao observar que de 2009 a 2017, tivemos uma redução total de óbitos nos cinco tipos de ocorrência abrangidos pela campanha, isso é uma notícia muito boa”, afirmou.

O principal responsável pelas mortes ocasionadas pelo contato com a rede de energia é a construção/manutenção predial, com 29% dos casos no último ano. Nos últimos nove anos (2009 a 2017) houve um total de 736 mortes em situações como esta.

Já as ligações elétricas clandestinas, o famoso “gato”, é a segunda maior causa de mortes em acidentes com a rede, com um total de 11% dos casos em 2017.

Que cuidados tomar para evitar acidentes?

Ao instalar ou consertar antenas tenha cuidado com a rede elétrica. Escolha um lugar afastado dos fios, observando quando o tempo estiver bom, sem chuva. Caso a antena caia na fiação, nunca tente segurá-la ou recuperá-la.

Tenha cuidado também com poda de árvores. Nunca faça poda de árvores que estiverem próximas ou em contato com a redes elétricas. Entre em contanto com a Prefeitura e solicite o serviço.

A poda de árvores é um serviço que deve ser realizado somente por profissionais preparados e qualificados.

Outra dica importante é ter muito cuidado com  pipas. Ao soltar pipas é importante  procurar locais abertos e afastados da rede elétrica e jamais usar fios metálicos ou cerol.

Caso a pipa fique presa, não tente resgatá-la. Estas orientações devem ser reforçadas junto às crianças também.

Ao construir ou fazer reformas é necessário manter uma distância segura da rede elétrica, principalmente ao movimentar materiais metálicos, como barras de ferro e arames.

É necessário consultar sempre um profissional capacitado para este tipo de serviço ou a distribuidora.

 

Deixe uma resposta