Campeãs do Carnaval 2019 de Bragança serão conhecidas hoje

A apuração dos resultados do Carnaval 2029 de Bragança Paulista acontece nesta quarta-feira, 6, a partir das 14h. A apuração ocorre no auditório do Complexo Integrado de Segurança, Emergência e Mobilidade (CISEM). O CISEM fica na Rua Francisco Samuel Luchesi Filho, nº 42, no Jardim Júlio de Mesquita.

Grupo de Acesso

Na oportunidade, primeiro devem ser apuradas as notas do Grupo de Acesso e na sequência do Grupo Especial. As escolas do grupo de Acesso são: Escola de Samba Sociedade Cultural Fraternidade e Escola de Samba Mocidade Júlio de Mesquita. 

Ambas, aliás, desfilaram no sábado de Carnaval. A Fraternidade apresentou o enredo Ganga Mahin, a Rainha Negra. Já a Mocidade Júlio de Mesquita levou para a avenida o enredo “Chá, uma bebida democrática, ouro líquido”.

Vale lembrar que no sábado, 2, também teve desfile da escola mirim Vila do Amanhã. Além disso também passou pela passarela o Grupo Afoxé e a escola da melhor idade, Realeza Imperial. Na mesma data aliás, estava previsto o desfile da escola mirim Herdeiros da Dragão. Por causa da chuva, no entanto, o desfile foi cancelado. A Herdeiros do Dragão, desfilou junto com a Dragão Imperial na terça-feira, 5.

Por causa da chuva, o público tanto no sábado, 2 como no domingo, 3, foi bem inferior aos anos anteriores. 

Grupo Especial

Após a apuração do Grupo de Acesso será a vez do público conhecer o resultado do Grupo Especial. Quem será a campeã do Carnaval 2019? Após o desfile, aliás, o comentário do público foi de que Dragão Imperial e Nove de Julho devem brigar pelo caneco. A Acadêmico da Vila, aliás, também está na disputa.  

Uma coisa é praticamente certa: a Escola de Samba Império Jovem deve ser rebaixada. A escola que apresentou o enredo “Das Leis ao Samba” além de atrasar em mais de 20 minutos o desfile, não apresentou o número mínimo de componentes. Ela será penalizada, conforme previsto em regulamento, com perda de pontos. 

A quarta escola a desfilar foi a Escola de Samba Unidos do Lavapés. A escola teve problemas com número de componentes e deve ser penalizada.  Com isto, provavelmente deve ficar fora da disputa pelo título. A Lavapés levou para a avenida o enredo:” E pra quem achou que a águia não estaria em pé, hoje ela clama a Turquia. Terra de Jorge, o Guerreiro na Fé”. 

As preferidas do público

As preferidas do público foram: Acadêmicos da Vila, Dragão Imperial e Nove de Julho.

Com enredo “Ubuntu – eu sou porque nós somos”, a Acadêmicos da Vila, foi a segunda a desfilar. A escola transmitiu na passarela a mensagem de que as pessoas não devem levar  vantagem pessoal em detrimento ao bem-estar do grupo. Os componentes, aliás, aguardam com expectativa as notas dos jurados. 

A Dragão Imperial que teve como enredo”Rodeio: Uma magia de 8 segundos completa 70 anos. Seguuuuuura Peão!” levantou a galera. Ela foi a escola com maior número de componentes na avenida e é forte candidata ao título. 

A Escola de Samba 9 de Julho que depois de um ano afastada, voltou à passarela, encerrou a noite de desfiles nos braços do povo. A escola apresentou um enredo inspirado na história do Bairro do Taboão, onde fica sua sede:  “Repolho: Taboão Berço do meu Samba”. 

As escolas foram julgadas pelos jurados em 10 quesitos. São eles: letra do samba, enredo, comissão de frente, alegoria, mestre-sala e porta-bandeira, bateria, evolução, fantasia, melodia e harmonia. 

Deixe uma resposta