Apesar de apenas duas escolas de samba, Nove de Julho e Dragão Imperial, desfilarem oficialmente durante o Carnaval, conforme o já noticiado pelo Bragança em Pauta, algumas atrações prometem agitar a cidade já esta semana.

Na quinta-feira, dia 28, a Acadêmicos da Vila, que optou ficar fora dos desfiles, fará em sua quadra a tradicional Festa do Azul e Branco. É obrigatório o uso de roupas azuis e branco, ou camisa da agremiação. O evento acontece a partir das 21h, na Morada do Samba.

Já na sexta-feira, dia 29, será realizada a primeira edição do Abre Alas Bragança, evento que acontece até domingo, dia 31, em frente à rotatória São Francisco, no Lago do Taboão.

Os portões serão abertos às 18h, e as atrações musicais ficam por conta de Matheus Canteri e Dois Reis (filhos de Nando Reis).

No sábado, dia 30, o festival Abre Alas retorna as 11h com as bandas The Godfather, Caê, Big Chico (interpretando Tim Maia), e André Garcia & Denner.

Ainda no sábado, dia 30, a Acadêmicos da Vila, também realizará um evento no bairro que dá nome a escola.  A partir das 13h haverá concentração na “Pracinha da Vila”, na Rua Prof. Luiz Nardy. Haverá show dos Amigos do Galo da Vila.

As 15h, os foliões sairão do local em direção a Morada do Samba. A previsão de chegada na quadra da escola de samba, localizada na Avenida Santa Isabel, 796, é para as 17h. A bateria Pulso Forte acompanhará o trajeto dos foliões juntamente com a Ala Musical.

A Dragão Imperial, por sua vez, realiza na noite de sábado, dia 30, no Castelo do Samba, a partir das 21h a tradicional Noite dos Intérpretes.

Já domingo, dia 31, as atividades do festival Abre Alas retornam as 11h. Segundo os organizadores, o grande momento do festival será a partir das 15h com a chegada dos foliões dos blocos. Neste dia haverá apresentação da escola de Samba 9 de Julho, o som da Banda Pires e a dupla Heitor & Juliano.

Os desfiles dos blocos por sua vez, terão início na Praça Raul Leme. A concentração está marcada para as 13h.

Os foliões seguirão pelas ruas Coronel Leme e José Domingues até a avenida Dom Pedro I. O desfile se encerra em frente ao clube de campo.

Apesar do evento, ser realizado por grupos particulares conta com apoio da Prefeitura, que disponibilizará banheiros químicos em locais por onde os blocos passarão. Agentes de trânsito também auxiliarão nas interdições e liberações do trânsito.

Além disto, a Prefeitura informa que na sexta-feira, dia 5 de fevereiro, é a vez da melhor idade curtir a folia. O Baile Carnavalesco da Terceira Idade ocorrerá a partir das 20h, no salão Ary Ramos, localizado no ginásio de esportes Dr. Lourenço Quilici. Haverá apresentação de Ary Sanches e banda. Todos os idosos estão convidados a participar.

O evento, acontecia geralmente após desfiles da melhor idade na Passarela Chico Zamper. Desfiles que, este ano, foram suspensos, já que a Prefeitura não concedeu subvenção às escolas de samba e também não investiu em infraestrutura.

A Prefeitura manteve a realização do Carnapraça, nos dias 6, 7, 8 e 9, na Raul Leme. Este ano, os foliões terão mais tempo para se divertir. O encontro será das 15h às 19h, com banda que tocará as tradicionais marchinhas de carnaval.

A zona norte também poderá festejar o carnaval de rua no domingo, dia 7, das 15h às 18h, na avenida Deputado Virgílio de Carvalho Pinto, Parque dos Estados.

Vale lembrar que os desfiles na Passarela Chico Zamper acontecem exclusivamente no sábado, dia 6, a partir das 21h30 com a apresentação da Nove de Julho. As 22h30 desfila a Dragão Imperial. Apesar do desfile apenas de duas agremiações haverá julgamento, segundo informações da Liga Independente das Escolas de Samba (LIESB).