Skip to content

Com 110 casos e 10 mortes Bragança segue determinações de Doria

Com 110 casos e 10 mortes confirmadas Bragança segue determinações de Doria

Com 110 casos confirmados de COVID-19 e 10 mortes, Bragança Paulista seguirá, por enquanto, as determinações do governador João Doria e manterá a quarentena no município até o dia 31 de maio.

Na quinta-feira, 7, o município registrou uma taxa de 45% de isolamento social, indicie abaixo do esperado para que não haja colapso no sistema de saúde, segundo especialistas.

Mesmo assim e com os números crescendo, a Prefeitura de Bragança Paulista divulgou que solicitou ao Governo do Estado a flexibilização do comércio no município. Na sexta-feira, 8, pela manhã, aliás, chegou também a divulgar que o secretário de Assuntos Jurídicos, Tiago José Lopes participaria de uma coletiva de imprensa, com a secretária de Saúde, Marina de Fátima Oliveira.

Como é ele quem tem falado sobre os posicionamentos do município sobre o comércio, havia uma expectativa sobre o tal pedido de flexibilização  mas sua participação na coletiva  não ocorreu.

Nenhuma justificativa, aliás, foi dada sobre a ausência na coletiva. Tiago Lopes, em suas ultimas participações, tem sido categórico dizendo que o município respeitaria as decisões estaduais para não criar embaraços jurídicos.

Pouco depois de Marina de Fátima falar sobre o pedido da flexibilização feito ao Governo do Estado, o governador João Doria anunciou que a quarentena prossegue até 31 de maio. Até lá, podem funcionar em todas as cidades do Estado, apenas o serviços considerados essenciais.

O Em Pauta questionou a Prefeitura qual será a posição  com a nova decisão estadual. Por e-mail a Secretaria de Comunicação informou que “com a prorrogação da quarentena no Estado de São Paulo, neste momento a Administração Municipal vai aguardar resposta oficial ao pedido de flexibilização junto ao Estado”.

Além disso, a Prefeitura vai ‘aguardar medidas e estudos futuros, sempre em parceria com a Secretaria de Saúde, para novas medidas”.

Os casos em Bragança

Em 24 horas Bragança Paulista registrou mais sete casos positivos de COVID-19. Três deles são de crianças, de 2, 10 e 12 anos.  Crianças são consideradas vetores em potencial da doença, porque muitas vezes não tem qualquer sintomas. Por isto, as autoridades sanitárias reforçam a importância do isolamento e distanciamento social.

Além das três crianças, também testaram positivos nas últimas 24 horas outras quatro mulheres de 31, 39, 40 e 53 anos.

Bragança Paulista agora tem 110 casos positivos para COVID-19. As notificações também subiram de 277 para 289. Ou seja,  em 24 horas, mais 12 casos suspeitos de coronavírus foram informados ao Ministério da Saúde. Ao todo,  155 casos foram descartados.

A Secretaria Municipal de Saúde ainda aguarda o resultado dos exames de 24 pacientes, entre eles de uma paciente de 40 anos, que estava internada na Santa Casa e veio a óbito nesta sexta-feira, 8.
A Prefeitura lamentou a morte e informou que o exame já foi enviado para o Instituto Adolfo Lutz. Assim que o resultado do exame ficar pronto, o mesmo deve ser divulgado.

VEJA TAMBÉM

Gráficos com números de COVID-19 em Bragança Paulista
Números da COVID-19 em Bragança, Atibaia e região

Segundo a Prefeitura de Bragança Paulita, a UTI do HUSF continua com 100% dos leitos de UTI ocupados não são só com casos de COVID-19 de outros municípios, mas com outras patologias. Já a Santa Casa, tem cerca de 70% dos leitos de UTI ocupados.

PERFIL DOS CASOS CONFIRMADOS

Dos 110 casos positivos de pessoas residentes em Bragança Paulista, um total de 54 pacientes são mulheres e 56 são homens.

Entre os 110 positivos há cinco crianças, sendo um menino de 1 ano, outro de 2 anos e um de 10 anos. Além disso há uma menina de 2 anos e outra de 12 anos. Todas as crianças estão em isolamento domiciliar.

Já dos 22 pacientes idosos, com 60 anos ou mais, 7 morreram.

Com base na analise do perfil dos casos confirmados de coronavírus, divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde, aliás, levantamos que as mulheres cujos exames deram positivos têm 2, 12, 20, 26 29, 30, 34, 35, 38, 39, 42, 44, 45, 51, 53, 57, 58, 59, 61, 64, 65, 67, 73, 75, 78.  Cinco pacientes tem 40 anos e quatro têm 36 anos. Além disso, duas têm 27 anos, mais duas 31 anos e duas 37 anos, duas 38 anos e duas 41 anos. Também têm duas pacientes de 47 anos, duas 52, duas de 55, mais duas de 56 anos e outras duas de 66 anos

Além disso, três dos homens têm 33 anos e mais três deles têm 36 anos, bem como três têm 38 anos, três 42 e mais três têm 43 anos. Além disso, outros dois pacientes têm 28 anos, dois 40 anos, mais dois 50 anos e dois deles têm 58 anos. Também há dois pacientes com 60 anos, mais dois com 63 anos e dois com 75 anos. Há também pacientes do sexo masculino com 1, 2, 10, 20, 23, 26, 27, 29, 30, 31, 32, 36, 39 45, 46, 47, 48, 51, 54, 57, 62, 64, 65, 70, 71, 77 e 80 anos.

Para ficar sempre por dentro das últimas informações sobre o coronavírus em Bragança Paulista, Atibaia e região acesse: https://bragancaempauta.com.br/tag/coronavirus/

Quer receber notícias pelo celular acesse: https://chat.whatsapp.com/HdZWFOJmyuX5Say7PvW9DF

[uam_ad id=”37841″]

Deixe uma resposta

© 2015-2020 Jornal Bragança Em Pauta - Todos direitos reservados