Dois dias depois do prefeito Jesus Chedid visitar a sede da empresa Nossa Senhora de Fátima Auto Ônibus, concessória do transporte público coletivo na cidade, a fim de verificar os 30 veículos seminovos que passam a integrar a frota da cidade, um dos ônibus, já apelidado pelos usuários de “Azulão”, quebrou.

Como é que é?

Isto mesmo, um do 30 ônibus semi-novos, quebrou na manhã desta quarta-feira, dia 20, na Avenida José Domingues, quando seguia no sentido centro/Lago do Taboão.

Para prestar atendimento aos usuários que estavam na linha, um ônibus antigo foi acionado.

 

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



O “Azulão” que quebrou é um dos 30 ônibus, apresentados com o objetivo de renovar mais de 50% da frota que circula em Bragança Paulista.

Em julho, a empresa adquiriu 12 ônibus ano/modelo 2012 os “Amarelinhos” e nesta segunda, mais 30 veículos seminovos, sendo 16 carros ano 2015 e seis deles modelos 2016, e 14 carros ano/modelo 2014.

Hoje a frota de veículos que atuam na cidade é composta por 89 carros, sendo 9 ônibus de reserva e 80 da linha operacional, e mais de 50% dos veículos seminovos.

1 comentário

Deixe uma resposta