Corpo de homem queimado em pneus é encontrado na Capitão Barduíno

Na madrugada desta terça-feira, 6, a Guarda Municipal de Pinhalzinho e o Corpo de Bombeiros foram acionados a comparecer na Rodovia Capitão Barduíno, por volta das 5h50, onde estava ocorrendo um incêndio.

Quando os guardas chegaram no local indicado, na altura do Bairro Rosa Mendes, em Pinhalzinho encontraram vários focos de incêndio e começaram apagá-los. Foi então que encontraram um corpo ainda em chamas, aparentemente de um homem.

O corpo estava dentro de vários pneus empilhados.  Imediatamente os guardas acionaram o delegado de plantão que esteve no local do crime.

A prática de se matar e queimar pessoas dentro de pneus ou então incendiá-las vivas é usada por facções criminosas, no Rio de Janeiro, por exemplo e é chamada de “Micro-ondas do Crime”.

A polícia não conseguiu apurar características da vítima nem identificar de quem é o corpo. Também não se sabe ainda se o homem foi morto anteriormente ao incêndio ou se foi queimado vivo.

O caso deverá ser investigado em conjunto pela Polícia Civil de Pinhalzinho e Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Bragança Paulista.

Este é o segundo crime bárbaro em poucos dias, na Região Bragantina. No domingo, 4,  o corpo de um homem foi encontrado dentro do porta-malas de um carro que estava parcialmente submerso no reservatório de água de Piracaia.

A Polícia Civil já trabalha na investigação do caso.

Para ficar sempre por dentro das últimas e principais notícias policiais de Bragança Paulista, aliás, é muito fácil. Basta  você acessar os links:

https://bragancaempauta.com.br/category/policia/
https://www.facebook.com/policiaempauta

Quer receber notícias de Bragança Paulista, bem como da região no celular?  É só clicar aqui:
WhatsApp do Bragança Em Pauta

 

Deixe uma resposta