Desvios de energia em Atibaia abasteceriam 3300 residências por mês

Entre os meses de janeiro e setembro, a Elektro, responsável pelo fornecimento de energia em Atibaia realizou ações de prevenção e combate a desvios.

Em nota, a concessionária informou que recuperou 676 MWH de energia. Essa quantidade de energia seria suficiente para abastecer, por exemplo, 3.300 residências por um mês ou o município de Nazaré Paulista durante 7 dias.

VEJA TAMBÉM:

Bragança Paulista não participa de testes da vacina de COVID-19
Médico acusado de deixar sequelas em pacientes já foi vereador em Piracaia
Eleições 2020: eleitor pode consultar onde votar pela internet

Ao todo, de acordo com a Elektro foram feitas 1.250 inspeções em empresas, residências e comércios localizados nos bairros: Jardim Imperial, Alvinópolis, Caetetuba e do Portão.

A concessionária informa ainda que regularizou a situação de 200 clientes que não tinham o medidor de energia instalado.

“Para apoiar os consumidores e estimular a regularização são oferecidas diversas facilidades como o parcelamento e a possibilidade de efetuar o pagamento de faturas utilizando os canais digitais”, informa a empresa em nota.

Além disso, a companhia orienta que pessoas acionem a concessionária caso percebam ligações irregulares nas redes elétricas nas localidades onde vivem. “Essas ligações expõem a população a riscos de choques elétricos por não serem feitas com condições técnicas adequadas. Para evitar problemas, é importante que as pessoas entrem em contato com a distribuidora”, afirma o gerente de Saúde e Segurança da Elektro, Guilherme Mafra.

.Denúncia

A Elektro reforça a importância da denúncia de fraudes e furtos de energia. O apoio da comunidade é essencial para identificar os desvios e acionar as distribuidoras. As denúncias são feitas de forma anônima pela Central de Relacionamento ao Cliente (0800 701 01 02) ou direto no site (www.elektro.com.br).

Para ficar sempre por dentro das últimas e principais noticias de Atibaia acesse:

Quer receber notícias de Bragança Paulista, bem como da região no celular?  É só clicar aqui:
WhatsApp do Bragança Em Pauta

 

 

Deixe uma resposta