Carnaval 2019 de Bragança: ensaios técnicos

A atual diretoria da Liga Independente das Escolas de Samba de Bragança Paulista (LIESB) renunciou ao cargo. A renúncia, foi feita por escrito, no dia 25 de abril, mas somente no último sábado, 23, como determina o estatuto da entidade, a renúncia foi oficializada após uma assembléia com os representantes das escolas de samba, para deliberação sobre o tema.

As informações são do ex-presidente da entidade  Marcelo de Jesus, presidente da Escola de Samba Sociedade Fraternidade, que afirmou que uma nova eleição deve ser marcada.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



“Nos próximos dias informaremos a todos sobre o edital e demais trâmites para a nova eleição da entidade”, disse Marcelo de Jesus.

Marcelo agradeceu a confiança de todos no tempo que esteve à frente da LIESB e acrescentou que tomou a decisão já que não foi ele o eleito – por aclamação – para o cargo de presidente e sim Cláudio Centini Cassali, que renunciou ao cargo, logo depois da eleição. “Fizemos o Carnaval e achamos então melhor renunciar para dar uma oportunidade para uma nova eleição. Esperamos que entre uma diretoria forte e dedicada ao Carnaval”, disse.

A atual diretoria tomou posse no dia 15 de agosto do ano passado. O mandato dos mesmos ia até 2019. Até Marcelo assumir a presidência à LIESB era comandada por Paulinho do Barril que ficou no cargo por 10 anos.

3 Comentários

  1. O Cleber renunciando a presidencia da liesb?…cuspindo no prato que come…ou melhor que comeu?…..

    1. Author

      Onde você leu Cléber? Quem renunciou foi o Marcelo, que é presidente da Fraternidade.

  2. deveriam e acabar de vez com essa coisa ai….dinheiro jogado fora…carnaval e pra sp e rio….onde teem dinheiro de sobra e patrocinio…e e grande e bonito…usem esse dinheiro pra reformar nossas escolas…pracas…postos…comprar viaturas..ambulancias…investir na natureza…carnaval aki foi bom…hj e pessimo e perca total de tempo e dinheiro!!!! pode publicar ana!!! nao tenho medo de cara feia….

Deixe uma resposta