Embriaguez ao volante

O domingo foi marcado por pelo menos mais dois casos de embriaguez ao volante em Bragança Paulista. Em um dos casos, o motorista embriagado colidiu o carro contra uma viatura estacionada.

A primeira ocorrência aconteceu por volta de 5h30, na Rodovia Alkindar Monteiro Junqueira, que liga Bragança Paulista à Itatiba.

Um jovem de 20 anos, conduzia o Gol, cinza, de placas OMQ-5917/Atibaia e invadiu a contramão de direção.  O carro atingiu lateralmente o Celta prata, de placas DQN-5714/B.P. O veículo era conduzido por uma mulher de 30 anos.

Conforme apurado pelo Jornal Bragança Em Pauta, três pessoas que estavam no Celta sofreram ferimentos. Uma pessoa que seguia no Gol com o rapaz também se feriu.

As vitimas receberam os primeiros socorros do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Posteriormente foram todas encaminhadas  à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Vila Davi.

Na sequência os policiais rodoviários que atenderam a ocorrência constataram que o motorista do Gol estava visivelmente embriagado. Ele confirmou ao policiais que tinha bebido.

O rapaz foi conduzido ao Plantão Central da Polícia Civil. Lá ele foi autuado em flagrante por embriaguez ao volante e acidente de trânsito. Em seguida foi  apresentado em audiência de custódia.

Segundo caso de embriaguez ao volante

O segundo caso aconteceu por volta de 16h20.

Tudo aconteceu quando um homem de 55 anos, conduzia pela Rua Antonio da Mata, na Hípica Jaguary, a VW/Saveiro, branca, de placas CPD-0781/SP.

Ele colidiu o veículo contra a traseira de uma viatura da Guarda Civil Municipal, que estava estacionada. Segundo o registrado na delegacia, a viatura estava inclusive com os sinais luminosos ligados.

Após a colisão o motorista ainda tentou fugir, mas foi detido pelos guardas que constataram que ele estava visivelmente embriagado.

O homem foi levado para o Plantão Central da Polícia Civil e autuado em flagrante por embriaguez ao volante. Posteriormente ele foi apresentado em audiência de custódia.