Começa no dia 6 e vai até o dia 10 de setembro a 7ª edição da Festa da Linguiça, no  Parque de Exposições Dr. Fernando Costa, mais conhecido como Posto de Monta.

O evento  está em sua sétima edição e contará com a participação de doze produtores de linguiça que apresentarão diversos tipos e sabores da iguaria, pratos inusitados e criativos, o tradicional lanche com vinagrete e o churrasco.

São esperados no evento em torno de 35 mil visitantes.

A festa da linguiça terá diversas atrações para agradar o público entre eles espaço kids,  programação musical com shows do sertanejo ao rock pop e eventos gastronômicos, como o “Concurso Glutão” que tem o objetivo eleger quem consegue comer mais centímetros ou metros do lanche preparado pelos organizadores.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE



A abertura da Festa da linguiça acontece na quarta-feira, dia 6, às 20h, com a apresentação da banda Lagartos, que tocará músicas do rock clássico.

Na quinta-feira, dia 7, feriado da Independência do Brasil, as atrações musicais começam na parte da tarde e continuam até o fim da festa.

Das 13h30 às 15h haverá apresentação da banda Samba Chic. Na sequência quem sobe no palco é a banda The Rockaholics, que se apresenta até às 17h.

DieGO de Leon faz a festa, das 17h até às 19h, e Família Pires se apresenta das 19h às 21h. As atrações se encerram com a apresentação da banda For Friends.

No dia 8, sexta-feira, as apresentações começam com a banda Space Chimps das 13h30 às 15h.

Markão Skema começa a tocar logo em seguida e fica no palco até às 17h. Em seguida, quem se apresenta é a banda The Bruces.

O grupo Água de Benze também estará na Festa da Linguiça e se apresenta das 19h até às 21h.

O dia termina com a apresentação da Escola de Samba Unidos do Lavapés.

No sábado,  a Orquestra de Viola Bragantina se apresenta das 13h30 às 15h. A banda Chicamandu se apresenta na sequência. As 17h o show fica por conta do grupo Grande Encontro, que anima o público até às 19h.

Das 19h30 às 21h30 haverá a apresentação de Freedy Groovers sendo que o encerramento da noite fica por conta da Faculdade do Samba Dragão Imperial.

No último dia, as atrações musicais começam mais cedo: ao meio dia, haverá a apresentação da Orquestra de Viola Violeiros do Jaguary. Na sequência, Fábio Notari faz sua apresentação e toca até às 15h, dando lugar até as 17h para Rock Label.

O Galo da Vila se apresentará das 17h às 19h e quem dita o ritmo até as 21h é a Pop Mind.

O encerramento fica por conta da Escola de Samba Acadêmicos da Vila.

A Nove de Julho, que optou por não desfilar no Carnaval 2018, ficou de fora das apresentações.

A tradição de Bragança Paulista como a terra da linguiça teve início na década de 40, meados de 50, quando a grande quantidade de suínos da região chamou a atenção de imigrantes italianos que aproveitaram para fabricar os embutidos. E no auge do Clube Atlético Bragantino, no final dos anos 80, a tradição da iguaria ficou ainda mais forte porque o locutor Silvio Luiz se referia à cidade como a terra da linguiça

Outras informções sobre o evento: https://www.festadalinguica.com.br/.