Os casos de agressão familiar continuam. Ontem os leitores do Bragança Em Pauta ficaram chocados com a notícia de que o neto agrediu e ameaçou os próprios avós. (https://bragancaempauta.com.br/jovem-agride-e-ameaca-avo-de-70-e-avo-de-64-anos-por-causa-de-drogas-e-e-preso/).

E infelizmente, mais um caso de agressão teve registro. Desta vez, o filho agrediu a própria mãe, uma idosa de 72 anos. O motivo: ela lhe negou dinheiro.

De acordo com o registrado, guardas civis foram acionados no final da tarde de quinta-feira, dia 29, para atender ocorrência de violência doméstica no Conjunto Habitacional Nicola Cortez .

Quando lá chegaram apuraram junto à vítima, uma idosa de 72 anos, que ela tinha sido agredida por seu filho Tiago Aparecido Camacho, de 32 anos, por ter se negado a lhe dar dinheiro.

A idosa, disse que o filho ficou agressivo e a segurou forte pelos braços, chegando a machucá-la.

Ele colocou a mãe para fora do apartamento e trancou a porta.

Quando os guardas chegaram, Tiago não estava no apartamento, mas enquanto conversavam e orientavam a vítima, ele ali chegou, agressivo e nervoso.

Os guardas deram voz de prisão a Tiago e o conduziram ao Plantão Central, onde ele foi autuado em flagrante por lesão corporal dolosa – violência doméstica – e recolhido à cadeia.