Na manhã desta sexta-feira, dia 10, a Guarda Civil deteve dois acusados de tentativa de roubo a um escritório de despachante situado na Avenida Lindóia.

De acordo com o registrado, os guardas foram acionadas porque populares estavam perseguindo um indivíduo que tinha tentado praticar um roubo no despachante.

O rapaz foi identificado como Victor Pascoal Barbosa, de 21 anos.

Ele é acusado de pular o balcão de um escritório e anunciar assalto, rendendo a proprietária que lá se encontrava.

Ele teria exigido dinheiro e a ameaçado  a moça com uma caneta que ele pegou sobre a mesa.

A vítima  começou a falar alto, chamando a atenção de funcionários que lá estavam. Os funcionário foram então para a frente do escritório, o que fez com que Victor fugisse sem levar nada.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



O mesmo  confessou aos guardas que queria roubar o estabelecimento e disse ainda que não  estava sozinho, sendo que seu parceiro, conhecido como Tiago estava em um carro, numa rua próxima.

Os guardas foram até a rua mencionada e encontraram uma Parati, cinza, de placas BST-6313/BP estacionada, mas Tiago não foi encontrado. Victor informou então onde o mesmo morava e os guardas foram até o local, encontrando-o quando ele chegava em casa.

 Tiago Moisés, de 25 anos, negou participação na tentativa de roubo, alegando que apenas pegou uma carona com Victor, a quem pertencia a Parati. Não soube, entretanto, explicar porque a chave do carro estava em seu bolso.

Os dois foram levados para o Plantão Central, autuados em flagrante por tentativa de roubo e apresentados em audiência de custódia.