A Guarda Civil deteve Marco Aurélio Batista Santos, de 36 anos, por volta de 15h20 de domingo, dia 22.

De acordo com o registrado, os Guardas Civis faziam patrulhamento pela Rua Inverno, no bairro do Cruzeiro, quando foram abordados por uma senhora, que estava muito nervosa.

Ela relatou que seu filho, Marco Aurélio,  havia a ameaçado de morte com uma faca e colocado fogo em alguns panos dentro de casa, além de ter danificado a porta com chutes.

Os guardas entraram na casa atrás de Marco Aurélio, que ainda tentou fugir.

Ele saiu correndo pelos fundos e fugiu, sendo alcançado pelos guardas na Rua João Franco.

Ele foi conduzido ao Plantão Central, autuado em flagrante por ameaça e dano – violência doméstica – e recolhido à cadeia.