estupro e violência doméstica

Um homem, de 56 anos, foi preso pela Polícia Militar, em Bragança Paulista, na madrugada deste sábado, 23. Ele é acusado de estupro de vulnerável e violência doméstica.

Conforme o apurado pelo Jornal Bragança Em Pauta, policiais militares foram acionados à comparecer em um residência na região do Bairro Henedina Cortez porque um homem tinha invadido uma residência.

Os policiais se deslocaram para lá e encontraram o homem deitado no chão, ao lado de um veículo.

Nada de ilícito foi encontrado com ele, porém o mesmo possuía ferimentos nas mãos e na face.

Relatos da vítima

A mulher que acionou à polícia disse que era companheira do acusado. Acontece, no entanto, que por volta das 16h30 ela relatou que flagrou o acusado abusando sexualmente de um adolescente, portador de necessidades especiais.

Diante disto ela expulsou o homem de casa, mas o homem pegou uma faca e tentou matá-la.

Ela então saiu do imóvel e foi se refugir na casa de vizinhos. A mulher disse que comentou o caso com outras pessoas e que foi por isto, que o acusado estava machucado, pois o mesmo apanhou da vizinhança que estava revoltada com o crime.

Achando que o agressor já tinha deixado o bairro, ela voltou para casa. Foi então que por volta de 1h, o homem voltou e entrou no quintal. Ele a ameaçou de morte mais uma vez e foi então que ela decidiu acionar a polícia.

O homem foi conduzido ao Plantão Central. Ele foi autuado em flagrante por ameaça, violência doméstica e estupro de vulnerável.

O Conselho Tutelar foi acionado para localizar o adolescente vítima do abusco. O menor foi encaminhado para os atendimentos necessários em casos como estes.

O caso deverá ser investigado pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM). O homem foi apresentado em audiência de custódia.

A identidade do acusado não foi divulgada a fim de preservar a identidade das vítimas, principalmente do menor.

Outras notícias policiais de Bragança Paulista e região estão disponíveis no link: https://bragancaempauta.com.br/category/policia/

Deixe uma resposta