Homem leva pedrada na cabeça e morre

Um homem, de 44 anos, morreu depois de 8 dias internado no Hospital Universitário São Francisco (HUSF) em Bragança Paulita. O reciclador Valmir Rodrigues, conforme o registrado no Plantão Central da Polícia Civil morreu na manhã desta segunda-feira, 5. Ele estava internado no hospital desde o dia 28 de julho, quando foi vítima de agressão e levou uma pedrada na cabeça.

O rapaz chegou a passar por cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos.

Valmir foi agredido, conforme o registrado no Plantão Central da Polícia Civil, por volta das 20h20 do dia 28, na Estrada Antonio Franco de Lima, no Campo Novo.

Segundo o registrado na época, por testemunhas, no Plantão Central da Policia Civil, a vítima estava em casa quando um homem conhecido como “Boi”, chegou. “Boi” é conhecido no bairro pelas confusões que arruma e agressividade.

Os dois começaram então a conversar e logo teve início uma discussão.

Foi então que “Boi” teria jogado uma pedra na cabeça de Valmir e em seguida fugido. A vitima foi então socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Oito dias depois, morreu no hospital.

Na época, o caso teve registro apenas como lesão corporal.

O corpo do homem que levou pedrada na cabeça e morreu foi conduzido ao Instituto Médico Legal (IML) para realização dos exames necessários.

Para ficar sempre por dentro destas e outras notícias policiais de Bragança Paulista e região aliás, é fácil. Acesse:

https://bragancaempauta.com.br/category/policia/  
https://www.facebook.com/policiaempauta/

 

 

Deixe uma resposta