Uma criança de apenas 3 anos de idade foi agredida em Bragança Paulista, segundo o relatado à polícia pela mãe da criança, uma jovem de 24 anos.

O autor da agressão seria o ex-companheiro dela que não aceitou a separação.

A mãe relatou à polícia que na sexta-feira, 20, depois que ela terminou o relacionamento de dois anos teve uma discussão com o ex-companheiro que não aceitou o fim do relacionamento. Ele teria agredido e ameaçado para que não registrasse o caso.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



O rapaz, ainda inconformado neste sábado, 21, descontou a raiva dele no enteado como se a criança fosse a culpada do fim do relacionamento.

A mãe ainda tentou impedir a agressão mas o homem conseguiu dar um tapa no garoto, machucando o menino.

A jovem conseguiu pegar a criança e sair correndo, pedindo socorro, enquanto isto  o homem trancou a casa e fugiu.

O caso foi registrado no Plantão Central da Polícia Civil como Lesão Corporal e deverá ser investigado.

 

 

4 Comentários

  1. Informação de verdade necessita conter foto,nome e o maior número possível de dados para os leitores.

    1. Author

      Entendemos a curiosidade das pessoas, mas nos casos que envolvem brigas familiares e principalmente menores de idade, nossos advogados nos orientam a não divulgar nomes e muito menos fotos, não para proteger o rapaz, que assim como todos, esperamos que pague pelos seus atos, mas para não expor à mulher e a criança. Acho que se fosse com um parente ou amigo seu, você não gostaria de vê-lo exposto. Continuaremos seguindo nossa linha editorial. Abraços. Ana Oliveira.

      1. Bom dia! Primeiramente sendo parente meu ou mesmo eu próprio . O nome e a foto tem que contas na notícia. Além do mais não é só em casos de desentendimentos familiares que vocês não informam por completo. Informação é utilidade pública!!

        1. Author

          E continuaremos seguindo nossa linha editorial desta forma, sem divulgação seguindo orientação dos nossos advogados.O fato é a informação e tratamos dele com ética e respeito às vítimas. Abraços e bom dia.