Bastidores Em Pauta Coluna 01

Sim, ele vem ai….

O prefeito Jesus Chedid, enfim, respondeu que vai ao nosso programa Em Pauta Entrevista e agendou a data. Anota aí, sexta-feira, dia 30 de agosto, a partir das 19h, no nosso site e Facebook.

Prefeito foi mais rápido que sua assessoria de imprensa que até agora não nos respondeu o que houve no Jardim da Fraternidade, no acidente envolvendo uma máquina rolo, usada em obras de asfalto. São 51 dias de silencio e omissão da Divisão de Imprensa!

BARRADOS NO BAILE

E por falar em demora para respostas, durante a semana perguntamos também para a imprensa da Prefeitura porque o secretário Darwin da Cruz fechou as portas da Prefeitura pouco depois das 8h e deixou para fora os servidores.

Perguntamos também quantos eram os funcionários atrasados, mas até agora nada de resposta oficial.

Esta não é a primeira vez que isto acontece. A ideia, a gente sabe que é assustar quem chega atrasado, disciplinar o serviço, mas será que esta fiscalização não podia ser feita de outra forma? A Prefeitura tem ponto eletrônico?

PF EM BRAGANÇA E SERRA NEGRA

Desta vez, não foi pela Lava Jato, mas a Polícia Federal esteve em Bragança Paulista e também em Serra Negra na quinta-feira, 22.

Algumas perguntas ficam no ar. Uma delas é como André Pinto Nogueira, ex-assessor da Alesp conseguiu fugir no dia da operação? Conhecido como o 95º deputado pela sua influência, será que ele teve informações privilegiadas? De quem?

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Em Bragança Paulista o alvo da operação foi Fabiana Gilho. O advogado João Raposo disse momentos após a prisão, que por sinal já foi revogada, que sua esposa e cliente, não conhecia o deputado Marcelo Squassoni, principal alvo da ação.

No dia seguinte postou uma nota de esclarecimento, em suas redes sociais, dizendo que a protética “foi contratada por uma pessoa chamada André, para prestar serviços de natureza política.”

Que serviços seriam estes? Segundo a nota….

“Seriam contactar empresas e marcar reuniões políticas, visando às eleições. E assim fez, ou “tentou fazer”, e recebeu por isso “cerca de duas” parcelas de “TRÊS MIL E POUCOS REAIS”, creditadas “diretamente na sua conta corrente”.

EMPRESA PODE PAGAR GASTOS DE CAMPANHA?

Serviços para quem? Para o Squassoni que o advogado declarou que ela sequer conhecia ou para o deputado Edmir Chedid, com quem Squassoni fez dobradinha em Bragança e para quem a gente encontra ela fazendo campanha nas redes sociais?

De qualquer forma se o dinheiro que recebeu na conta era para um pagamento “agenciado” pelo André para campanha, porque veio de uma empresa? E se era pagamento de serviços de campanha não deveriam ser declarados pelos candidatos?

As acusadas podem não entender porque quem as pagou não foi quem as contratou, mas quem as contratou tem que dar explicações, ou não?

Fato é que o desembargador Nino Oliveira Toldo, do Tribunal Regional Federal da 3ª Região revogou a prisão de todos os detidos na ação na sexta-feira, 23.

PSL EM BRAGANÇA

Após a ação da PF muitas mensagens chegaram até a gente sobre o fato da envolvida no caso ser filiada ao PSL local, partido do presidente Bolsonaro.

Procuramos o presidente do partido na cidade, Capitão Américo, que informou que a ficha de filiação dela não foi aprovada ainda. Está, assim como todas as outras, em análise.

Disse ainda que não fará juízo de valor antecipado e que é preciso cautela para esperar os desdobramentos dos fatos.

Acrescentou, no entanto, que o episódio serve de alerta para checagem sobre os interessados em filiação.

ACEITANDO CURRÍCULOS

Capitão Américo disse ainda que o PSL está com filiação aberta e que está recebendo currículos de interessados em se candidatar tanto a prefeito como a vereador em Bragança Paulista.

Ele já adiantou inclusive que o partido terá sim candidato a prefeito em 2020.

#VOLTATÂNIA

Além da PF em Bragança, outro assunto que movimento a semana foi a demissão da Tânia Clemente. Ela foi entrevistada do Em Pauta Entrevista ao lado do infectologista Dr. Mendes.

Juntos eles foram os responsáveis pelo programa na cidade e nos falaram sobre a demissão, terceirização e SUS.

Se você não viu, ao vivo, pode ver agora:

CAIU MAIS UM

O prefeito Jesus Chedid criou uma Secretaria de Mobilidade para “reconstruir” o trânsito em Bragança Paulista. Acontece que além do caos continuar, não tem secretário que pare na pasta. Está pior que cargo de técnico em time na zona de rebaixamento.

Já passaram por lá quatro nomes: Manoel Botelho, Aniz Abib Júnior, Marcelo Alexandre Soares e Rogério Alves dos Santos.

Fontes relatam que dias antes de pedir as contas, Rogério dos Santos chegou a sair aos prantos do gabinete, depois de ser tratado aos berros em uma reunião por causa do sistema da Zona Azul.

Quem será o próximo? Ainda existe motivo para esta Secretaria existir?

CAFÉ FRIO

O nosso café frio da semana vai para a exposição nacional de Bragança Paulista na mídia mais uma vez de forma negativa por causa da operação da Polícia Federal.

Já fomos notícia por causa da Lava Jato, crime da mala no Lago do Orfeu….

Queremos ver a cidade em destaque por boas notícias!

CAFÉ QUENTE

O café quente vai para a jornalista e fotógrafa Shel Almeida, responsável pela exposição “Caminhando pela Cidade”, que está em exposição na Secretaria de Cultura e na sequencia vai para a Prefeitura.

Parabéns pelo trabalho! Vale a pena conferir!

Até a próxima semana !

Deixe uma resposta