Pelo menos três residências foram furtadas na tarde de domingo, dia 18, no Condomínio Euroville, onde residem diversas autoridades policiais, promotores, juízes e políticos.

Mesmo sendo um condomínio fechado e dotado de segurança particular,  ladrões invadiram pelo menos três residências, levaram diversos objetos de valor e não foram notados.

Os furtos aconteceram em residências da mesma rua e o caso deverá ser investigado pela Delegacia de Investigações Gerais (DIG).

Segundo  o apurado pela reportagem, a primeira vítima constatou o furto por volta das 15h. Assim que chegou em casa os moradores perceberam que tinham sido furtados pelo menos 10 relógios de pulso, 20 relógios de bolso, bolsas femininas de marca e jóias.

A segunda vítima chegou em casa por volta das 17h e constatou que os ladrões levaram uma pistola glock de calibre 380 e uma moto de 50 cc.

Uma terceira vítima constatou o furto quando a ocorrência estava sendo atendida e naquele momento não sabia precisar o quanto foi levado.

Esta não é a primeira vez que ladrões entram no condomínio fechado.