Faleceu na tarde desta quarta-feira, 23, em Bragança Paulista, Lenira Moreira Acedo, aos 59 anos. Ela faleceu 12 dias depois do seu marido, Paulo Roberto Soriano Acedo. Ambos, vítimas da COVID-19.

Paulo Acedo havia sido a vítima fatal de nº 92 da COVID-19, em Bragança Paulista. Lenira Moreira, a de nº 101.

Assim como o marido, ela ficou internada com COVID-19 na UTI da Santa Casa de Bragança Paulista.

Ela deixa os filhos Matheus e Paula e demais familiares e amigos.

Balanço de mortes

Com a morte de número 101, o mês de dezembro registra até agora onze mortes confirmadas de COVID-19. Mais do que o dobro de mortes de novembro, que registrou 4 mortes em decorrência da COVID-19.

Das 101 mortes registradas desde o início da pandemia, aliás, 50 pacientes eram homens e 51 eram mulheres, sendo que 18 vítimas fatais tinham menos de 60 anos. Já as outras 83 vítimas tinham 60 anos ou mais.

Do total de mortos, 22 eram moradores de asilo, sendo 12 do Jardim Público, 9 do asilo da Vila Bianchi, bem como 1 da Casa São Luiz, que abriga freiras idosas.

Agosto e setembro são os meses com maior número de mortes até agora, sendo 21 óbitos confirmados para COVID-19 em cada um dos meses.

INFORME-SE

Para ficar sempre por dentro das últimas informações sobre o coronavírus em Bragança Paulista, Atibaia e região, aliás é fácil. Acesse o link: https://bragancaempauta.com.br/tag/coronavirus/

Quer receber notícias de Bragança Paulista, bem como da região no celular?
É só clicar aqui: 
WhatsApp do Bragança Em Pauta

 

Deixe uma resposta