Skip to content

Máscaras serão obrigatórias e ônibus não transportará passageiros em pé

Máscaras serão obrigatórias e ônibus não transportará passageiros em pé em Bragança Paulista. Medidas valem a partir do dia 27.

A partir do dia 27, máscaras serão obrigatórias e ônibus não transportarão passageiros em pé, em Bragança Paulista.  As medidas fazem parte de uma série de novas regras apresentadas pela Prefeitura de Bragança Paulista na manhã desta quinta-feira, 23,  que passam a valer na semana que vem.

A partir de então o uso de máscaras nas ruas e estabelecimentos comerciais passa a ser obrigatória.

Além disso, a empresa Nossa Senhora de Fátima deve manter os ônibus limpos e com álcool em gel e não transportar passageiros sem máscaras ou em pé, limitando assim o número de passageiros.

A gratuidade do ônibus para idosos com mais de 65 anos também está suspensa das 5h às 9h e das 16h às 20h. A medida, visa evitar que estes idosos usem o ônibus em horário de pico, já que fazem parte dos grupos de risco.

VEJA TAMBÉM

Gráficos com números de COVID-19 em Bragança Paulista
Números da COVID-19 em Bragança, Atibaia e região

Os mototáxis devem fornecer toucas para os passageiros, bem como fazer a higienização dos capacetes.

Conforme as novas determinações da Prefeitura  todas as pessoas que precisarem  sair de casa, estão obrigadas a usar máscaras. São os estabelecimentos comerciais e as empresas que devem dar aos funcionários as máscaras.

A secretária Marina de Fátima Oliveira lembrou que o uso de máscaras é importante para preservar a saúde do outro  já que ela cria uma barreira quando a pessoa fala.  “O município tem se preparado para que a gente possa conseguir atender a todos que nos procuram”, disse ressaltando que cada um tem que fazer sua parte, não saindo, desnecessariamente.

Além disso, o Cemitério da Saudade, passa a ficar fechado aos domingos e só funcionará, de segunda à sexta das 7h às 19h. Não havendo, portanto, velório a noite. O velórios só terão duração de 4 horas e só é permitida a presença máxima no velório de 20 pessoas. Vale lembrar que em casos confirmados de COVID-19 ou suspeita o velório é proibido, conforme recomendação do Ministério da Saúde. Cabe às funerárias, distribuir álcool em gel e máscaras.

As lotéricas, bancos devem estender o atendimento das 8h às 18h, segundo o secretário de Assuntos Jurídicos, Tiago José Lopes, afim de evitar aglomerações. Em caso de filas, aliás, independente dos estabelecimentos um cliente deve ficar 2 metros de distância do outro.

Cabeleireiro, lava-rápidos e estacionamentos

Conforme as novas orientações estão liberados a funcionar estacionamentos e lava-rápidos, no sistema leva e traz.  No caso dos estacionamento, podem funcionar somente aqueles que são ligados ao serviço essencial, por exemplo, estacionamento em frente aos hospitais e bancos.  Os profissionais de beleza podem atuar indo até a casa dos clientes. Não pode ser feito atendimento em salões. A medida é para evitar a circulação de pessoas e por isto, é o cabeleireiro, que deve ir até o cliente.

Os secretários deixaram claro que a fiscalização continua e que os  estabelecimentos que forem flagrados descumprindo as regras pela segunda vez, serão lacrados. “O comerciante sabe as regras. Ele quer enfrentar o que ? O óbito?”, questionou Marina de Fátima Oliveira.

Para ficar sempre por dentro das últimas informações sobre o coronavírus em Bragança Paulista, Atibaia e região acesse:https://bragancaempauta.com.br/tag/coronavirus/

Quer receber notícias pelo celular acesse: https://chat.whatsapp.com/BEtf6hqh9CW4JeRGa16MO3

[uam_ad id=”37841″]

 

 

Deixe uma resposta

© 2015-2020 Jornal Bragança Em Pauta - Todos direitos reservados