Skip to content

Momentos de terror: tiros, carros incendiados e roubo a banco em Bragança

Atualizada às 11h40

Moradores de Bragança Paulista viveram momentos de terror na madrugada desta terça-feira, 2. Por mais de 30 minutos, a população ouviu uma sequência de rajadas de tiros e explosões.

Criminosos incendiaram dois veículos em frente ao 34º Batalhão da Polícia Militar do Interior, na Avenida José Gomes da Rocha Leal. Lá, aliás, eles chegaram a trocar tiros com policiais da Força Tática.

Os assaltantes também incendiaram um carro na frente da 1ª Companhia da Polícia Militar, para que viaturas não saíssem da base. Além disso jogaram um artefato no páteo das viaturas. O GATE foi acionado para analisar o material.

O portão e a parede da 1ª Companhia da PM ficaram cravejados de tiros de fuzil.

Os assaltantes também incendiaram carros na Rodovia Fernão Dias e na Rodovia Alkindar Monteiro Junqueira que liga Bragança à Itatiba a fim de impedir reforço vindo das cidades vizinhas e também de Campinas e da Capital.

Barulho dos tiros

Moradores de diversos bairros gravaram o barulho dos tiros e o momento de pânico. Quem mora na região central, descreveu que a cena foi de terror.

Alguns dos tiros atingiram os apartamentos nas proximidades da agência, deixando os moradores assustados.

Segundo o apurado pelo Em Pauta  os assaltantes posicionaram três de seus veículos estrategicamente nas proximidades da agência da Caixa Econômica Federal da Rua Coronel Osório, no Centro, afim de praticar o assalto e impedir a chegada da polícia.

Eles chegaram a explodir a área do cofre, porém, até o fechamento desta reportagem não havia sido constatado arrombamento, o que significa que eles teriam fugido sem nada levar.

Para a polícia, o objetivo deles era levar os bens ali guardados por causa de penhora, já que não tentaram explodir os caixas eletrônicos.

As forças de segurança de Bragança Paulista foram empenhadas a fim de localizar os assaltantes, que teriam fugido pela Rodovia Capitão Barduino e também pela estrada Velha de Bragança/Atibaia, onde também foram localizados dois veículos queimados.

Cerca de 120 policiais militares e civis e 40 viaturas aturam na ocorrência, além do Corpo de Bombeiros.

Diversos projéteis de fuzil foram recolhidos pela polícia e a perícia foi acionada. A área foi interditada. O caso será registrado no Plantão Central da Polícia Civil e deverá ser investigado.

Já pela manhã, helicópteros da PM e da Polícia Rodoviária Federal sobrevoaram a região.

 

Esta notícia pode ser atualizada.

Para ficar sempre por dentro das últimas e principais notícias policiais de Bragança Paulista e região? Acesse:

https://bragancaempauta.com.br/category/policia/
https://www.facebook.com/policiaempauta

Quer receber notícias de Bragança Paulista e região pelo celular? Acesse: https://chat.whatsapp.com/EGKvaEp41fQ5OhAEyLUA2u

 

Deixe uma resposta

© 2015-2020 Jornal Bragança Em Pauta - Todos direitos reservados