Motoristas aparentemente embriagados são flagrados dirigindo em zigue-zague

Quantas vezes é necessário repetir que bebida e direção não combina? Com as festas de final de ano, muita gente se esquece disto, e acaba curtindo confraternizações e dirigindo após ter consumido bebida alcoólica, colocando em risco, não só suas vidas mas a de outros motoristas, passageiros e pedestres.

Em Bragança Paulista, pelo menos dois casos de embriaguez ao volante foram registrados no último sábado de 2017, sendo que um dos motoristas inclusive foi preso em flagrante por embriaguez.

O primeiro deles aconteceu ainda no período da manhã do dia, 30, por volta das 10h30, na esquina da Rua 24 de Abril, com a Alameda XV de Dezembro.

Segundo o registrado no Plantão Central da Polícia Civil, um agente de trânsito seguia em direção à sede da Secretaria de Mobilidade Urbana, no Jardim Júlio de Mesquita, quando avistou o jovem Henrique, de 24 anos, conduzindo o Monza, vermelho, de placas locais  CPF-0321 no sentido contrário.

O rapaz, segundo os registros policiais estava conduzindo o veículo em zigue-zague.

Imediatamente, o agente deu ordem de parada ao mesmo, mas ele não obedeceu e ainda ofendeu  e ameaçou a autoridade de trânsito.

O agente pediu então apoio da Guarda Civil Municipal e passou acompanhar o trajeto do rapaz a distância.

O rapaz só parou o carro na porta de sua residência.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



O motorista, visivelmente embriagado, foi abordado pelos guardas que constataram então que ele também não possuía Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Diante disto, ele foi conduzido para o Plantão Central e consentiu colher sangue para realização de exame de dosagem alcoólica.

O carro foi apreendido a guinho e um inquérito será instaurado para apuração dos fatos.

Home é preso por dirigir embriagado 

O outro caso de embriaguez ao volante aconteceu no Lago do Taboão, já no período da noite, por volta das 22h55, na Avenida Alpheu Grimello e terminou com a prisão do motorista.

Tudo aconteceu quando policiais militares realizavam patrulhamento de rotina pelo local e avistaram o comerciante Nardier  de 36 anos, conduzindo o Siena preto, de placas FOI-9238/São Paulo, em zigue-zague pela via, inclusive cantando os pneus.

Os policiais o abordaram e constataram que ele exalava forte odor etílico, além de estar com os olhos vermelhos e fala alterada. Conforme o registrado, ele também demonstrou agressividade e ironia durante a abordagem e se recusou inclusive a fazer o teste do bafômetro.

Ele foi então conduzido ao Plantão Central e autuado em flagrante por embriaguez ao volante e resistência sem o direito de pagamento de fiança, devendo ser apresentado em audiência de custódia.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *