A reportagem do Bragança Em Pauta, recebeu uma denúncia de que na manhã desta terça-feira, dia 8,os ônibus fretados da Empresa Nossa Senhora de Fátima, circularam pela manhã com cerca de meia hora de atraso, gerando desconforto aos passageiros, que vão para São Paulo, já que meia hora de atraso ao chegar na capital, significa enfrentar trânsito muito mais intenso e consequentemente se atrasar para o trabalho ou faculdade.

Segundo o apurado pela reportagem do Bragança Em Pauta, o atraso aconteceu devido a uma rápida paralisação dos funcionários da empresa que não teriam recebido o salário inteiro do mês.

Não chegou ao conhecimento da reportagem se a paralisação causou prejuízos no transporte urbano.

A reportagem entrou em contato com a Empresa Nossa Senhora de Fátima, mas não obteve retorno sobre o motivo da paralisação, se há mesmo atraso de pagamento dos funcionários e quando a questão será solucionada.

Os usuários do transporte fretado também aguardam repostas pois temem que outras paralisações como estas aconteçam.

Salário Servidores Municipais

A reportagem do Bragança em Pauta, também recebeu denúncia durante a semana que os funcionários da Prefeitura de Bragança Paulista apesar de terem recebido o pagamento em dia, não receberam sequer um real pelas horas extras trabalhadas durante o mês de fevereiro

O não pagamento das horas extras gerou desconforto entre os funcionários que contavam com o dinheiro já que as horas foram realizadas a pedido e com autorização prévia dos chefes e secretários.  Há uma expectativa de que as horas extras sejam pagas em folha complementar ainda este mês.