Os ônibus da empresa Nossa Senhora de Fátima, já estão operando, desde a manhã desta segunda-feira, 6, com mudanças, na região do Taboão.

As linhas, que antes seguiam até a universidade agora tem como ponto final a garagem da empresa na Rua Tupi e de lá o usuário que quiser pode pegar a linha 23 e seguir em direção à Universidade São Francisco e Hospital Universitário.

Isto so não é válido para as linhas 121 (CDHU)  e a 004 (Santa Luzia) que terão mantidos o trajeto original.

Para quem usa o cartão Vai é possível fazer a integração. Quem não usa, tem que pagar nova passagem.

No horário de pico, o ônibus sairá de 10 em 10 minutos, e entre pico de 30 em 30 minutos, saindo simultaneamente um da USF e o outro do Taboão.

Diferentemente da mudanças do ônibus que já foram implantadas,  as interferências no tráfego da Avenida Alpheu Grimello e Rua Teixeira, foram adiadas mais uma vez.

A princípio, a mudança estava prevista para o dia 30, mas foi adiada para hoje, 6 e por causa das chuvas, como as obras da Praça 9 de Julho, não foram finalizadas, mais uma vez, a mudança é adiada. Ainda não foi divulgada nova data.

As obras na Praça 9 de Julho são esperadas há mais de uma década pela população e tem como objetivo melhorar a fluidez do trânsito, mas desde março quando começaram tem gerado muita reclamação. As verbas foram conquistadas ainda na administração de João Afonso Sólis (Jango), o projeto passou por adequações na administração de Fernão Dias e só nesta administração saiu do papel.

O contrato com a empresa FBF Construções e Serviços Eireli – EPP, responsável pelas obras foi assinado no dia 15 de janeiro de 2018, mas somente em março as obras tiveram início.

Leia +  Empresa inicia obras na Praça 9 de julho

Primeiro a obra demorou para começar, porque comerciantes da região reclamaram do projeto e foram feitas adequações ao mesmo. Depois que a obra já tinha sido iniciada, foi constatado que cabos da empresa de telefonia Vivo precisavam ser removidos e isto gerou transtornos e atrasos.

Agora, é necessário o fim da chuva para liberação da nova via e implantação da sinalização adequada.

 

 

Deixe uma resposta