O Figueirense anunciou nesta segunda-feira, 14, que o ex-volante do Clube Atlético Bragantino e do São Paulo Futebol Clube,  Pintado, é o novo técnico da equipe na série B.  Pintado assume o comando do Figueirense na reta final do Brasileiro.

Se o Bragantino, time que o revelou está na ponta da tabela, contando os dias para o acesso e sonhando com o título,  o Figueirense luta desesperadamente para fugir do rebaixamento.

A equipe está na 20ª e última colocação, com apenas 27 pontos. Ou seja, o clube tem apenas 4 pontos, atrás do 16º colocado que é o Londrina e seria hoje, a primeira equipe que se livraria do rebaixamento caso o campeonato acabasse agora.

Desafio

O Londrina, aliás, é o adversário de amanhã do Figueirense, a partir das 19h15. Uma vitória é fundamental. Na partida, entretanto, Pintado não deve estar no banco. O comando fica a cargo de Márcio Coelho.

O novo treinador assume o comando da equipe no sábado, 19, na partida contra o Paraná.

Aos 54 anos, esta é a segunda passagem do treinador pelo Figueirense. Por telefone, ele disse à reportagem do Bragança Em Pauta que está “muito feliz e confiante por chegar a trabalhar com um clube de pessoas honestas e comprometidas”.

Disse ainda que chega na equipe para acrescentar com sua experiência.

Na primeira passagem pelo Figueirense em 2008, ele foi contratado para os últimos três jogos da Série A. Apesar das vitórias sobre Náutico, Botafogo e Internacional, no entanto, não foi possível evitar o rebaixamento. Ele comandou a equipe em 16 partidas. Foram seis vitórias, quatro empates e cinco derrotas.

Pintado, aliás, não terá que enfrentar o Bragantino nesta reta final do campeonato. Figueirense e Braga  já se enfrentaram no primeiro e segundo turno da competição. O Bragantino venceu as duas partidas. No dia 21 de maio por 2 x 0 em Bragança Paulista e no dia 24 de setembro por 3 x 0, em Florianópolis. 

O treinador Pintado esteve no Em Pauta Entrevista, no Dia do Futebol e  falou sobre sua carreira como jogador e como técnico. Se você perdeu não tem problema. Pode assistir a qualquer hora clicando aqui:

Como técnico, em 2019 ele comandou o São Caetano durante o Campeonato Paulista. Entre 2015 e 2016, foi auxiliar técnico do São Paulo, cargo que exerceu também no Cruz Azul (MEX). Como treinador, teve passagens também por clubes como Náutico, Ponte Preta e Guarani.

 

Deixe uma resposta