A Policia Civil de Bragança Paulista prendeu uma quadrilha de roubo de gado em Bragança Paulista.

Conforme o apurado, policias civis da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), vinham investigando roubos de gado e outros crimes registrado na cidade e na manhã de terça-feira,  18, fizeram uma operação em Joanópolis e Embu das Artes, que culminou com a prisão de um homem de 61 anos em Joanópolis.



Na propriedade dele, os policiais aprenderam 21 cabeças de gado, entre garrotes, novilhas e vacas.

Os policiais apuraram que os animais tinham sido ali deixados por um homem de  57 anos que seria responsável por vendê-los, em troca do que receberia como comissão três cabeças de gado. Este homem foi preso , também em Joanópolis, quando tentava fugir.

O primeiro  foi autuado em flagrante por receptação e apresentado em audiência de custódia.

O segundo tinha contra ele um mandado de prisão temporária decretada pela Justiça. Em sua casa foi apreendido um caminhão M.B./LA 1113, azul, placas BTU-9428/Campinas, utilizado para a prática dos crimes.

Outros dois suspeitos foram detidos em Embu das Artes. Há indícios de que pelo menos mais 6 pessoas façam parte da quadrilha que vinha praticando roubos de gado em Bragança.

No dia 28 de agosto, funcionários de uma fazenda localizada na Rodovia Alkindar Monteiro Junqueira, que liga Bragança Paulista à Itatiba, no Bairro Biriçá do Valado, viveram momentos de pânico e ficaram sob a mira de bandidos por mais de 5 horas.

Leia + Quadrilha rende funcionários de fazenda e rouba gado em Bragança Paulista

Por volta das 19h, quando o administrador da fazenda se aproximou da porteira, foi rendido por 4 homens armados com revólveres e uma calibre 12. Os ladrões levaram o administrador até a casa de um funcionário da fazenda.

Lá as vítimas ficaram como reféns até que os assaltantes fugiram levando 18 vacas nelore, causando um prejuízo de aproximadamente R$ 40 mil ao proprietário da fazenda.

Deixe uma resposta