Os casos de violência doméstica são constantes no noticiário policial e tem deixado os moradores de Bragança Paulista preocupados.  Qual a solução para estes tipos de crime?

Na tarde de segunda-feira, dia 15, tivemos mais um caso de briga familiar, que foi parar na delegacia de polícia.

Segundo o apurado, a Polícia Militar foi acionada na tarde de segunda-feira, dia 15, para atender ocorrência de violência doméstica na Rua São João Batista, na Vila Santa Libânia.

Quando lá chegaram, os policiais constataram que um rapaz, identificado como Marcos, de 38 anos, tinha discutido com sua amásia e riscado a testa da mulher com uma faca.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A filha do casal, de 20 anos, presenciou a briga e rapidamente saiu em defesa da mãe.

Foi então que ela também acabou sendo agredida pelo pai, que a segurou fortemente pelo pescoço, ferindo-a.

Outros familiares também interviram na confusão e também acabaram agredidos por Marcos.

Interrogado pela polícia, o homem  confirmou que discutiu com a amásia, mas negou tê-la agredido com uma faca, alegando que apenas jogou um copo em sua direção.

Ele foi levado para o Plantão Central da Polícia Civil, autuado em flagrante por lesão corporal dolosa – violência doméstica – e apresentado em audiência de custódia.



Deixe uma resposta