As polícias militar e civil de Bragança Paulista, prenderam acusados de tráfico em dois bairros de Bragança: Hípica Jaguari e Henedina Cortez.

A primeira prisão aconteceu quando policiais militares faziam patrulhamento pelo Henedina Cortez no início da madrugada de sexta-feira, 24, e quando passaram pela Rua Gentil de Mattos viram dois rapazes e uma garota em atitude suspeita.

Um deles saiu caminhando assim que viu a viatura, mas foi abordado e identificado como adolescente de 17 anos.

Durante a revista pessoal os policiais militarem encontraram com ele 01 porção grande de maconha.

O rapaz e a moça que estavam próximos também foram abordados. Tratava-se de um rapaz de 18 anos e uma garota de apenas 14 anos.

Com o rapaz, os policiais encontraram mais 1 porção grande maconha, 22 porções menores da mesma droga e 36 pedras de crack.

Com a adolescente nada ilícito foi encontrado.

Os três foram levados para o Plantão Central da Polícia Civil, sendo o maior  autuado em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico e apresentado em audiência de custódia e seu irmão, que já registrava passagem anterior, foi apreendido pelos mesmos delitos e apresentado ao Juiz da Infância e Juventude.

A garota, que não tinha passagem anterior, foi entregue ao seu responsável para ser apresentado à Promotoria da Infância e Juventude.

Já na manhã de quinta-feira, 23, Policiais Civis da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) se dirigiram ao bairro Hípica Jaguary, a fim de cumprirem mandado judicial de busca a uma residência.

No local detiveram um homem de 41 anos e outro de 43 anos.

Na casa foram apreendido 9 “tijolos”, 04 porções grandes e 03 porções pequenas de maconha, pesando tudo 8,915Kg.

Também foi apreendida uma balança digital, saquinhos plásticos para embalar droga e celulares.

O homem de 43 anos já era procurado da Justiça, havendo contra ele mandado de prisão expedido pela comarca de Campinas.

Diante dos fatos, os dois foram levados para a DIG, autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico e apresentados em audiência de custódia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *