O prefeito Jesus Chedid, do Democratas, nomeou o candidato derrotado à Prefeitura de Joanópolis, Mauro Garcia, também do Democratas, para cargo de comissão na Prefeitura de Bragança Paulista.

A portaria n° 10.080, datada de 22 de janeiro de 2021, foi publicada em edição extraordinária da Imprensa Oficial do município, na terça-feira, 27.

Mauro Garcia, foi prefeito de Joanópolis no mandato 2017/2020 e perdeu a reeleição. Ele teve 48,61% dos votos válidos, contra 51,39% do candidato vitorioso, Adauto Oliveira, do PSD.

De acordo com a portaria de contratação, o ex-prefeito de Joanópolis exercerá o cargo em comissão de Chefe de Divisão de Assuntos Parlamentares, Ref. C11. De acordo com dados obtidos pelo Em Pauta no Portal da Transparência, este cargo recebe o valor bruto de R$ 5.914,51 mensais.

Além desta Divisão, no Portal da Transparência constam ainda que outros 29 cargos iguais encontram-se ocupados, na Administração Pública municipal.

Mauro Garcia terá como tarefa dialogar com os 19 vereadores da Câmara Municipal. Sendo que 13 deles foram eleitos pelo próprio Grupo Chedid e outros dois votaram com o Grupo Chedid para a Mesa Diretora do Legislativo.

Para que Mauro Garcia fosse nomeado, a Prefeitura teve que demitir a assessora de departamento Tamiris Tayna Nassif Garcia Banhos, que também ocupava cargo de comissão. Se não, incorreria em crime de nepotismo, pois ela é sobrinha do político joanopolense.

Outros cargos ocupados

Além de Prefeito de Joanópolis, Mauro Garcia foi funcionário comissionado da Assembleia Legislativo do Estado de São Paulo, por quase duas décadas. De 1997 a 2001, lotado no gabinete do deputado estadual Edmir Chedid. De 2005 a 2007, na liderança do PFL, então partido de Edmir. De 2007 a 2011, na liderança do Democratas.

Em 2011, passou pela liderança do PSC, gabinete do ex-2° secretário, que na ocasião era Edmir Chedid e 2ª secretaria da Alesp. Em 2013 no Serviço de Controle de Frota e no gabinete de Edmir Chedid e até 2016, novamente no Serviço de Controle de Frota. Em 2016, esteve no NAE – Núcleo de Avaliação Estratégica, órgão de foi alvo de denúncias do SPTV, por supostamente abrigar funcionários fantasmas e em 2016, novamente no Controle de Frota.

INFORME-SE

A melhor arma contra a desinformação é o jornalismo sério e profissional.

Quer receber nossas notícias no celular?
É só clicar aqui: WhatsApp do Jornal Em Pauta

Deixe uma resposta