Quarenta e oito escolas estaduais, de 36 municípios de todo o Estado, receberão seus alunos com uma “cara nova” no início do ano letivo de 2017. A tarefa está sendo realizada por 1.225 reeducandos que cumprem hoje o regime semiaberto e foram selecionados para receber qualificação profissional por meio do Programa Via Rápido Expresso, que oferece aulas práticas em equipamentos públicos.

Na região, os municípios de Bragança Paulista e Atibaia serão contemplados.

A ação é uma parceria entre Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado (SDECTI), a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) e Secretaria de Estado da Educação (SEE).

Os cursos possuem dois módulos, divididos em 25/horas de aulas teóricas e 75/horas de práticas. Os municípios foram escolhidos de acordo com a demanda de reeducandos na região.

Em Bragança Paulista a escola beneficiada pela pintura feita por 25 presos do Centro de Ressocialização é a Escola Estadual Coronel Francisco de Assis Gonçalves. Já em Atibaia, 20 reeducandos trabalham na pintura da Escola Estadual Renato de Azevedo Rezende.