A Câmara Municipal de Bragança Paulista realiza hoje, 6, a 40ª sessão ordinária do ano, e entre os projetos que devem ser apreciados pelos vereadores está o projeto de lei 41/18, que institui o Programa Adote o Verde.

De autoria da Prefeitura,  o PL 41/18 busca ampliar o que já existia no município, além de garantir atualizações à legislação. O objetivo é permitir que empresas, entidades ou pessoas “adotem” áreas verdes do município, responsabilizando-se pelo cuidado daquele espaço. Como contrapartida os responsáveis serão autorizados a instalar uma ou mais placas de publicidade, dependendo do tamanho da área a ser conservada.



Também está na pauta da sessão a votação em segundo turno do programa de Apadrinhamento Afetivo de Idosos. A iniciativa é do vereador Ditinho Bueno do Asilo, através do projeto de lei 42/18.

Em turno único, será votado o projeto de resolução 4/18, da vereadora Pokaia. O projeto inclui no Regimento Interno da Câmara Municipal a concessão da medalha Zumbi dos Palmares a personalidades ou entidades que atuam em prol da valorização e do desenvolvimento da comunidade negra no município de Bragança Paulista.

Finalizando a pauta, em 1º turno, os vereadores votam o projeto de lei 44/18, que institui o Dia Municipal do Escotismo. O projeto é de autoria da vereadora Beth Chedid.

Para Tribuna Livre é prevista a participação do advogado Rodrigo Pires Pimentel, para esclarecer aos vereadores e comunidade detalhes sobre a discussão do terreno onde seria acomodada a incubadora de empresas.  Na sequência, quem fala é Maria Rosângela Janducdi Dezotti que irá abordar a atuação da Associação Mata Ciliar nas escolas municipais.

A sessão tem início as 16h no plenário da Câmara Municipal, na Praça Hafiz Abi Chedid, 125,no Jardim América e pode ser acompanhada também pela TV Alesp, da operadora NET ou então pela internet, nos seguintes canais:
– www.camarabp.sp.gov.br,
– www.facebook.com/camarabragancapaulista
www.youtube.com.br/camarabraganca

Deixe uma resposta