fecham mais de 60 estabelecimentos

Por Filipe Granado

Desde a 0h deste sábado, 21, todos os comércios de Bragança Paulista definidos como “não essenciais”, estão proibidos de funcionar. A medida foi tomada após recomendação do Ministério Público local e depois acatadas por meio do decreto n° 3.225, do prefeito Jesus Chedid.

Minutos após o início do prazo, aliás, uma operação conjunta da Guarda Municipal, Polícia Militar e fiscais da Prefeitura saíram às ruas, para fazer valer o decreto. Conforme balanço divulgado na tarde de sábado, 21, pela Secretaria de Comunicação, foram até o momento 67 estabelecimentos fechados e outros 57 orientados.

A reportagem do Em Pauta conversou com a comandante da 1ª Companhia da Polícia Militar, Capitão Camila Brancalhão, que confirmou que desde a meia-noite ontem, com a publicação do Decreto Municipal, com base na recomendação do MP, militares da Atividade Delegada foram destacados para as operações em conjunto, fiscalizando bares, lanchonetes, casas noturnas e outros estabelecimentos que possa ocorrer aglomerações.

A capitão frisou ainda, que os policiais têm atuado não só em fechar comércios (67 segundo a Prefeitura), mas também em orientar os comerciantes e ainda na organização de público, naqueles estabelecimentos essenciais, como supermercados e farmácias.

Esta operação teve prosseguimento neste sábado e continuará. “A Polícia Militar está atenta a locais com aglomeração de público. Nosso efetivo está contingenciado, mas as atividades permanecem normais, em prol da população”, afirmou a capitão Camila, ao Em Pauta.

O secretário municipal de Segurança e Defesa Civil, Dorival Francisco Bertin, também foi contatado pela reportagem e disse que: “Estamos dando cumprimento ao Decreto publicado”.

Balanço do Coronavírus

Bragança Paulista até este sábado, 21, registrava 23 casos notificados de coronavírus, destes 5 foram descartados e 18 estão em investigação. Dois pacientes com mais de 60 anos, com suspeita da doença, morreram sem que os exames ficassem prontos para confirmar se tinham ou não coronavírus.

Atibaia teve o primeiro caso confirmado da doença na região.

Para ficar sempre por dentro das últimas informações sobre o coronavírus em Bragança Paulista, Atibaia e região acesse:https://bragancaempauta.com.br/tag/coronavirus/

Não compartilhe informações não confirmadas e de fontes não confiáveis! Neste momento de pandemia, o jornalismo de verdade é mais uma ferramenta contra este vírus.

Quer receber notícias pelo celular acesse:  https://chat.whatsapp.com/CxVBfj7gj2X0nPqzfJbP1v

 

 

 

Deixe uma resposta