As Unidades de Terapia Intensiva (UTI) do Sistema Único de Saúde exclusivas para tratamento da COVID-19 estão 100% lotadas em Bragança Paulista. Os leitos, atendem além de Bragança, a cidade de Atibaia e outros 9 municípios da região.

O anúncio de lotação foi divulgado em boletim da Secretaria Municipal de Saúde de Bragança Paulista, nesta sexta-feira, 4.

No início da semana, após aumento da taxa de ocupação, o Em Pauta questionou a Secretaria sobre o número de vagas disponíveis e foi informado que são 18 leitos de UTI a disposição para tratamento de pacientes com COVID-19. Ontem, com exclusividade o Em Pauta divulgou a reportagem: Governo Federal cortou 20 leitos de UTI em Bragança, afirma Prefeitura.

Segundo dados da Secretaria de Saúde e de hospitais locais, desde setembro contratos de aluguel de leitos não foram renovados. Foram 20 leitos em Bragança e 7 em Socorro, que pararam de operar.

Enquanto a taxa de ocupação de UTIs regionais é de 100% a taxa de ocupação de leitos clínicos SUS, também regionais, é de 46,6%.

Bragança Paulista e Atibaia que em novembro tinham internados em leitos SUS e particulares menos de 10 pacientes cada cidade, entre leitos de UTI e clínicos, tem respectivamente 21 e 27 pacientes internados.

Quando o assunto são as internações só de pacientes de Bragança Paulista, das 21 pessoas internadas 7 pacientes já tem resultados positivos de exames e 14 estão internados aguardando resultados dos exames.

Outros números

O boletim de hoje, 4, divulgado pela Secretaria de Saúde indica que Bragança Paulista confirmou nas últimas 24 horas, mais 16 casos de COVID-19. Com isto, o município totaliza  5742 casos confirmados desde o início da pandemia.

 

Dos 5742 pacientes positivos, 4501 estão recuperados e 1144 seguem em isolamento domiciliar.

Além disso, o município aguarda os resultados de 697 exames. No dia anterior eram 519 exames de COVID-19 ainda sem resposta.

O boletim de hoje indica também a notificação ao Ministério da Saúde de mais 226 casos suspeitos de COVID-19, em 24 horas, e com isto, já são 11.457 notificações desde o início da pandemia.

Há também no boletim de hoje 32 casos forma descartados para COVID-19, em 24 horas.

Balanço de mortes

Dos 90 mortos, 45 pacientes eram homens, bem como 45 eram mulheres, sendo que 14 tinham menos de 60 anos. Já as outras 76 vítimas tinham 60 anos ou mais.

Dos 90 mortos, 22 eram moradores de asilo, sendo 12 do Jardim Público, 9 do asilo da Vila Bianchi, bem como 1 da Casa São Luiz, que abriga freiras idosas.

Agosto e setembro, são os meses com maior número de mortes até agora, sendo 21 óbitos confirmados para COVID-19 em cada um dos meses. Novembro, no entanto, totalizou apenas 4 mortes confirmadas de COVID-19, o que indica considerável queda de mortes no município.

INFORME-SE

Para ficar sempre por dentro das últimas informações sobre o coronavírus em Bragança Paulista, Atibaia e região, aliás é fácil. Acesse o link: https://bragancaempauta.com.br/tag/coronavirus/

Quer receber notícias de Bragança Paulista, bem como região no celular? É só clicar aqui:
WhatsApp do Bragança Em Pauta

 

Deixe uma resposta