Um homem de 49 anos, acusado de estuprar a própria filha, quando ela tinha apenas 8 anos de idade, foi preso pela equipe de Rondas Ostensivas com Motocicletas (Equipe ROM) da Guarda Civil de Bragança Paulista no sábado, 10.

A prisão aconteceu às 8h30 na Alameda XV de Dezembro, no Jardim Anchieta.

Conforme o registrado no Plantão Central da Polícia Civil, os guardas estavam em moto patrulhamento quando avistaram o homem.

Assim que percebeu a presença dos guardas, o rapaz demonstrou nervosismo e por isto, os guardas decidiram abordá-lo.

Durante a revista nada de ilegal foi encontrado com o homem, porem, os guardas consultaram seus antecedentes criminais e foi então que constaram que contra ele havia um mandado de prisão.

O homem foi levado então ao Plantão Central da Polícia Civil onde foi constatado que no dia  1º de outubro, a Justiça havia expedido um mandado de prisão contra ele,  já que o mesmo foi condenado há 9 anos e 4 meses de prisão em regime, a princípio fechado pelo crime de estupro.

Segundo consta no processo ele teria cometido “atos libidinosos com a filha”,  entre janeiro e julho de 2014, em horários incertos, por diversas vezes.

Durante o processo ele chegou a dizer que tinha problemas psicológicos, não se lembrava de ter cometido o crime e que estava fazendo tratamento por causa de drogas. “Eu não me lembro, mas acredito em minha filha e ela disse que eu fiz isso”.

 

 

3 Comentários

  1. Ate quando esses miseráveis vão ficar impunes. No Brasil deveria ter pena de morte para esses crimes hediondos!