O novo técnico do Red Bull Bragantino, Felipe Conceição, falou com a imprensa na noite desta segunda-feira, 27, antes do início da partida do Bragantino contra a Inter de Limeira, em que o Massa Bruta, perdeu de 1 x 0. Ele estava acompanhado do presidente de futebol Thiago Scuro e do presidente de honra, Marquinho Chedid. “Tivemos muita empatia. É um casamento perfeito”, disse.

Anunciado oficialmente pelo Bragantino durante a tarde, o técnico pediu demissão do América-MG no sábado, 25. Foi então que vazou a informação de suas tratativas com o Red Bull. Até então, eram cotados outros nomes, inclusive de técnicos estrangeiros.

Felipe Conceição falou sobre as suas expectativas para o trabalho que inicia a partir desta terça-feira, 27, no Bragantino e disse que a proposta do Bragantino se encaixa perfeitamente com a dele.

“A proposta encaixa muito com a minhas ideias. É um casamento perfeito que tem tudo para dar certo no futuro. O Red Bull Bragantino é um time agressivo que joga para frente, gosta de ter o controle da partida sempre e muitas ideias já batem com as minhas”, disse.

O novo treinador já teve uma conversa inicial, com Vinicius Munhoz, mas disse que ainda vai o escutar durante a semana e ir construindo o time no dia a dia.

Contratação de jovens

Felipe Conceição falou também da contratação de jovens para fazer parte da equipe.  “Foi isto  o que construí no América, sou oriundo da base, gosto de trabalhar com jovens e acredito neste trabalho”, disse ele ressaltando que os jovens garantem a equipe mais força e mais intensidade.

“Levei apenas 10 minutos para responder e aceitar a proposta”, disse o novo treinador, que disse estar muito contente com o desafio.

“Estamos assinando um contrato de dois anos e ele vai ter todo respaldo e condições pra que a gente possa continuar evoluindo como equipe”, disse Thiago Scuro, que ressaltou que dos quatro treinadores que passaram por todo o processo de contratação, apenas Felipe Conceição recebeu a proposta.

“Ele foi e é nossa primeira opção”, disse Scuro.

“Passei pelo processo que tinha que passar e se fui escolhido foi porque passei bem. Não é uma processo fácil. Só de estar sendo olhado e visto pelo Thiago e pelo clube já me fez muito bem. Me fez muito bem ver que as pessoas conseguem enxergar o futebol de forma mais moderna”, acrescentou.

Durante a semana, aliás, o clube tem pela frente mais duas partidas. Uma na quinta-feira, 30, fora de casa, contra o Novorizontino. Além disso, no domingo, 2, enfrenta o Palmeiras, em Bragança Paulista.

Para saber mais sobre o Bragantino acesse: https://bragancaempauta.com.br/tag/red-bull-bragantino/

[uam_ad id=”35140″]

 

 

Deixe uma resposta