A Polícia Militar de Bragança Paulista recebeu do Governo do Estado, 3 novas viaturas. A informação foi anunciada pela PM, durante solenidade de inauguração de iluminação de Natal na Prefeitura. A solenidade ocorreu na  noite de segunda-feira, 3.

Na oportunidade a 1ª Tenente Camila Cristina Brancalhão Martinho, comandante da 1ª Cia foi quem fez o anúncio.

Os veículos foram incorporados à frota do 34º Batalhão da Polícia Militar do Interior (BPM/I) e atuarão no policiamento preventivo.

As novas viaturas  contribuirão com a operacionalização da PM no município.

De acordo com informações divulgadas pela Prefeitura, os veículos fazem parte de uma série de solicitações feita pela Prefeitura unto à Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo. Os pedidos foram feitos no final do ano passado.

Como é que é?

Em nota a Prefeitura divulgou que desde que assumiu a gestão, o prefeito Jesus Chedid está concentrando esforços no planejamento, implementação, monitoramento e avaliação de projetos que tenham o objetivo de prevenir o crime e reduzir o sentimento de insegurança da população.

Equipamentos há 6 meses desligados

“Atualmente, a Guarda Civil Municipal conta com base móvel, canil, cavalaria, rondas ostensivas com motocicletas, viaturas, central de monitoramento que auxilia nas investigações da Polícia Civil, principalmente na localização de veículos furtados na região’, diz a nota.

Vale lembrar, no entanto, que os equipamentos de OCR usados no trabalho de identificação de placas de veículos nas entradas e saídas da cidade, estão há mais de 6 meses desligados.   Estes equipamentos desligados, conforme o já divulgado pelo Bragança Em Pauta, prejudicam principalmente a recuperação de veículos furtados e roubados e a identificação de veículos usados em crimes.

Ainda em nota a Prefeitura informa que realizou diversas ações com o objetivo de contribuir com a segurança no município. Cita, por exemplo,  investimentos e capacitação na Guarda Civil Municipal, aumento do efetivo, renovação da frota, aquisição de novos fardamentos e armamentos.

Com relação ao aumento do efetivo os cerca de 12 guardas contratados reforçaram o efetivo a partir de mandado judicial. A Prefeitura, inclusive, chegou a recorrer na Justiça pela não contratação. Os guardas foram aprovados em concurso público em 2014, ainda na administração de Fernão Dias que, contudo, alegou falta de recursos, para contratá-los. Quanto aos cursos de capacitação, apenas estes guardas passaram por treinamento para que pudessem entrar em atividade. O ultimo treinamento de “reciclagem”, com treinamento prático de tiros aconteceu em outubro de 2014.  Com relação ao armamento, foram adquiridos 20 novas armas, justamente, para que fosse possível armar também estes novos guardas.

Para poder ser uma guarda armada, a Prefeitura de Bragança Paulista tem um convênio com a Polícia Federal. Este convênio exige treinamentos e reciclagem constantes.

 

 

Deixe uma resposta