energisa gato

Um homem, de 38 anos, foi preso por policiais civis da Central de Polícia Judiciária de Bragança Paulista na manhã de quinta-feira, 19.  Ele é acusado de fazer “um gato” na rede de energia elétrica.

O homem foi preso durante uma ação conjunta  da Polícia Civil com a empresa Energisa realizada com o propósito de coibir furto de energia.

As ligações clandestinas , chamadas “gato” além de gerar prejuízo à empresa, gera riscos à população. Os acidentes elétricos são comuns onde há gatos e podem ser fatais.

O “gato” foi encontrado em uma residência na Rua Sebastião Cícero Franco, na Vila David. Não havia no imóvel, poste e relógio padrão.

O morador do imóvel  foi levado para a delegacia, autuado em flagrante por furto e liberado após o pagamento de fiança.

Conforme informações da equipe da Energisa, ele já teve, em datas anteriores, o fornecimento de energia suspenso. Mesmo assim continuou a praticar o furto.

Em outubro, a Policia e a Energisa já haviam realizado operação semelhante no município (foto). Leia mais: https://bragancaempauta.com.br/acoes-de-combate-a-furto-e-fraude-de-energia-eletrica-sao-realizadas-em-braganca/

Deixe uma resposta