Ônibus novos, problemas velhos: passageiros reclamam de lotação e empurram coletivo

Desde a madrugada de domingo, 4, Bragança Paulista conta com novo serviço de transporte coletivo. E para o usuário, apesar dos ônibus serem novos os problemas são velhos: a superlotação continua.

Apesar do decreto ainda em vigor, determinar que os passageiros viagem apenas sentados, na manhã desta segunda-feira, 5, leitores enviaram ao Em Pauta, fotos de coletivos, onde as pessoas, continuam sendo transportadas em pé.

O decreto visava evitar a aglomeração, conforme recomendação dos órgãos de saúde, por causa da transmissão da COVID-19.4

Além disso, chama atenção também imagens que circulam pelas redes sociais de um ônibus sendo empurrado por populares. O caso aconteceu na Rua Tupi, no Taboão. Populares alegaram que o problema teria sido falta de combustível, mas segundo a empresa JTP Transportes houve uma falha mecânica no coletivo e uma van foi acionada para que os passageiros, fossem levados até suas residências, diante do imprevisto. De acordo com a empresa, o valor da passagem também foi devolvido a todos os usuários que estavam no coletivo no momento.

Os 87 novos ônibus da empresa JTP Transportes possuem ar condicionado e wi-fi.

Usuários do sistema informaram na manhã desta segunda que ambos sistemas estavam sim funcionando. A reclamação, fica, portanto, por causa dos atrasos dos ônibus.

A linha do Parque dos Estados das 9h, por exemplo, em direção à Universidade atrasou cerca de 35 minutos.

O usuário que busca informações pelo 0800 591-5067 chegou a ficar mais de 9 minutos aguardando na linha por atendimento. No Facebook da empresa, a informação é de que as linhas, rotas e horários serão mantidos para não trazer transtornos à população.

Vale lembrar também que o usuário pode baixar o aplicativo Cittamobi para acompanhar o trajeto dos ônibus. De acordo com o divulgado pela empresa a partir do dia 11 ele estará 100% calibrado com a pontualidade de horários.

Quer receber notícias de Bragança Paulista, bem como da região no celular?  É só clicar aqui:
WhatsApp do Bragança Em Pauta

Deixe uma resposta