Skip to content

Red Bull Bragantino empata com Athletico-PR em 1 x 1

Red Bull Bragantino empata com Athletico-PR em 1 x 1

O Red Bull Bragantino empatou mais uma no Brasileirão 2020, desta vez contra o  Athletico Paranaense, em partida realizada na Arena da Baixada na noite desta quarta-feira, 2. Este aliás, é o terceiro empate em 1 x 1 da equipe na competição. O Bragantino tem, além disso, três derrotas e apenas uma vitória.

Com a demissão de Felipe Conceição, quem comandou a equipe foi o auxiliar técnico Marcinho. Ele escalou Cleiton, Aderlan, Léo Ortiz, Leo Realpe, Edimar, Ryller, Matheus Jesus, Claudinho, Artur, Hurtado e Leandrinho.

A partida

Aos 3 minutos, após cobrança de escanteio, Erick conseguiu cabecear na primeira trave, obrigando o goleiro Cleiton fazer uma grande defesa para salvar o Massa Bruta.

Em seguida, foi a vez de Claudinho cobrar escanteio pela direita. O zagueiro Léo Ortiz ganhou pelo alto e cabeceou. A bola, no entanto, passou raspando na trave.  Aos 12 minutos o Bragantino teve mais uma chance. Aderlan roubou a bola no campo de ataque e ajeitou para Claudinho bater. A bola passou ao lado do gol.

Apesar das tentativas do Bragantino, no entanto, foi o Athlético que abriu o placar aos 16 minutos. Erick arrancou pela ponta e rolou para Geuvânio que  soltou uma bomba rasteira, no cantinho.

Este foi o 11º gol sofrido pelo goleiro Cleiton na competição. Com isto, aliás, o Bragantino tem a defesa mais vazada do Brasileirão até aqui.

Fotos: Ari Ferreira/Red Bull Bragantino

 

O empate do Massa Bruta saiu aos 29 minutos do segundo tempo dos pés de Claudinho.  Matheus Jesus roubou a bola no meio-campo e  lançou Claudinho. O jogador, viu o goleiro adiantado e deu um toque por cima do goleiro, marcando um golaço

Segundo tempo

O Bragantino voltou do intervalo, sem mudanças.  Aos 5 minutos, Edimar cruzou, Ryller tentou o domínio para o chute, mas a bola ficou com o goleiro do Atlhetico.

Como a equipe não conseguiu virar o placar, Marcinho fez as primeiras mudanças no Bragantino aos 14 minutos do segundo tempo. Leandrinho e Hurtado saíram para entrada de Bruno Tubarão e Ytalo, que foi artilheiro do Paulistão 2020 e no último jogo, sob o comando de Felipe Conceição, aliás, sequer ficou no banco.

Em seguida, Artur arrancou pela direita e cruzou para Ytalo. O camisa 15 ia chegando na bola, mas Halter afastou o perigo. Aos 17, Bruno Tubarão deu um lindo passe para Claudinho que cruzou rasteiro. Da mesma forma, a defesa tirou.

Aos 24 minutos, em um contra-ataque rápido  Ytalo em velocidade lançou para Bruno Tubarão e bateu uma bomba de canhota, mas não virou o placar.

O técnico interino mudou novamente o Bragantino aos 32 minutos. Ele colocou Uillian Correia no lugar de Ryller. O atleta não vinha sendo aproveitado no Brasileirão por Felipe Conceição.

Aos 39 minutos, Claudinho lançou Tubarão, que invadiu a área e cruzou para Ytalo. A zaga do Furacão mais uma vez afastou o perigo.

Aos 42 minutos, foi a vez da entrada de Lucas Evangelista e Morato nos lugares de Matheus Jesus e Artur. O Bragantino, no entanto, não conseguiu virar o placar.

Próximos compromissos

Apesar do empate, o Bragantino continua na zona de rebaixamento e o novo técnico, Maurício Barbieri terá muito trabalho pela frente. Como ele ainda não foi anunciado oficialmente pelo clube, a expectativa é se poderá ou não comandar o Bragantino no domingo, 6, na partida em Bragança Paulista contra o Palmeiras.  O jogo acontece a partir das 11h.

Na sequência, o Red Bull Bragantino enfrenta o São Paulo, no dia 9, às 19h15, no Morumbi.

SAIBA MAIS

Para saber tudo sobre o Red Bull Bragantino, aliás, é muito fácil. Acesse o link:  https://bragancaempauta.com.br/tag/red-bull-bragantino/

Quer receber notícias de Bragança Paulista, bem como da região, no celular?  É só clicar aqui:
WhatsApp do Bragança Em Pauta

 

Deixe uma resposta

© 2015-2020 Jornal Bragança Em Pauta - Todos direitos reservados